Empresas Lucros da Vista Alegre sobem 41% para 1,9 milhões de euros

Lucros da Vista Alegre sobem 41% para 1,9 milhões de euros

A empresa viu o seu volume de negócios crescer 2,3% para 42 milhões de euros, sobretudo devido à evolução positiva do mercado externo.
Lucros da Vista Alegre sobem 41% para 1,9 milhões de euros
Pedro Elias/Negócios
Rita Faria 30 de agosto de 2018 às 23:01

A Vista Alegre fechou o primeiro semestre deste ano com lucros de 1,9 milhões de euros, o que traduz uma subida de 41% face aos 1,3 milhões obtidos no mesmo período do ano passado.

Num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a empresa informou que o volume de negócios cresceu 2,3% para 42 milhões de euros enquanto o EBITDA avançou 11% para 7 milhões de euros.

O mercado externo foi o grande impulsionador desta evolução, representando já 67% (28 milhões de euros) do volume de negócios da empresa de porcelana, cristal e vidro, um aumento de dois pontos percentuais face ao período homólogo.

"Este aumento é justificado pelo crescimento do negócio em novos mercados, nomeadamente na Europa e Ásia. Na Europa destaca-se a França e Espanha com maiores crescimentos", destaca a Vista Alegre.

No mercado interno o valor das vendas foi de 14 milhões de euros, "alicerçado no negócio das lojas próprias, e na consolidação de estratégia da Vista Alegre, que apostou neste canal em Portugal", acrescenta a empresa no comunicado.

Entre Janeiro e Junho, a Vista Alegre fez investimentos de 10 milhões de euros, essencialmente no segmento do grés de mesa, com a ampliação da fábrica da Ria Stone, e no cristal, com o projecto CristalLux.

A empresa, que elege como mercados prioritários França, Itália, México e Índia, adianta que a aposta na expansão é para "reforçar".

"Com a aposta nos mercados externos e o reforço das equipas comerciais pelo mundo, o segundo semestre continuará a apresentar crescimento das vendas, permitindo melhorar a rentabilidade do Grupo", refere o comunicado.




Saber mais e Alertas
pub