Automóvel Madrid avança com plano para limitar automóveis no centro da cidade

Madrid avança com plano para limitar automóveis no centro da cidade

A partir de quinta-feira a entrada de carros no centro da capital espanhola vai ser alternada mediante os números das matrículas.
Madrid avança com plano para limitar automóveis no centro da cidade
Bloomberg / Reuters / Getty Images
Negócios 28 de dezembro de 2016 às 12:50

A Câmara Municipal de Madrid anunciou que a fase três do Plano de Mobilidade que tem como objectivo impedir progressivamente o uso do automóvel no centro da cidade vai arrancar na manhã de quinta-feira, 29 de Dezembro.

Como explica esta quarta-feira, 28 de Dezembro, o El País este passo significa que amanhã de manhã só podem circular no centro da cidade os carros cuja matrícula acabem em número ímpar, com "emissões zero" de transportes públicos e serviços especiais.

O plano tem como objectivo reduzir em 8% o tráfego e cumprir os limites legais de poluição da União Europeia. É a primeira vez que esta medida, que está a ser implementada em várias cidades europeias como Lisboa, Paris ou Roma é realizada em Espanha.

Caso a câmara mantenha activa esta fase 3 nos dias seguintes a entrada de carros no centro de Madrid funcionará de forma alternada. Ou seja, nos dias pares podem entrar os veículos cujas matrículas acabem em número par e vice-versa.

As anteriores fases do plano, que já entraram em vigor, previam a redução do limite de velocidade. Na auto-estada M-30e nas principais vias de acesso à capital espanhola os condutores não podem ultrapassar os 70Km/hora.

Outra das medidas do plano passa por proibir o estacionamento dos não residentes no centro da cidade, podendo fazê-lo apenas nos parques de estacionamento públicos e privados.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
TinyTino Há 4 semanas

Falta começar a fazer o mesmo em Lisboa

pub
pub
pub
pub