Comércio Mercadona vai ter loja em Gondomar e uma segunda em Gaia

Mercadona vai ter loja em Gondomar e uma segunda em Gaia

A empresa sediada em Valência anunciou esta quinta-feira as duas localizações da Mercadona no Norte do país que ainda não eram conhecidas. Esta semana tinha sido divulgada a construção de um centro logístico na Póvoa do Varzim.
Mercadona vai ter loja em Gondomar e uma segunda em Gaia
Bloomberg
Já é conhecida a localização de todas as quatro lojas em Portugal da cadeia espanhola de retalho Mercadona, que em 2019 chega ao país.

Depois das unidades de Matosinhos e Gaia (Canidelo, no local onde está o campo de futebol do Sport Clube Canidelo), já anunciadas em Março e Junho, esta quinta-feira, 21 de Setembro, a empresa anunciou ao jornal espanhol Expansión as cidades em que ficarão as outras duas lojas: uma ficará em Gaia (a cidade terá assim dois supermercados da marca) e a haverá a abertura de uma unidade em Gondomar.

Tal como previsto inicialmente pela companhia, as aberturas iniciais vão acontecer na zona do Grande Porto, fruto de um investimento de 25 milhões de euros. Em Março, a empresa revelava ao Negócios que 100 das 150 vagas de emprego para cargos de direcção intermédia já estavam tomadas, prevendo anunciar mais 200 candidaturas este ano. Em média, a Mercadona terá 40 trabalhadores em cada superfície comercial.

Esta quarta-feira a Lusa tinha noticiado que a rede espanhola ia montar o seu centro logístico numa das freguesias da Póvoa de Varzim, no Parque Industrial de Laúndos, com mais de 17 mil metros quadrados. A unidade começará a ser construída no ano que vem para estar pronta a arrancar em Janeiro de 2019, passando a fazer compra local de produtos do dia nomeadamente junto de agricultores da região.

Já Matosinhos, além da loja prevista para a Rua de Sousa Aroso, já tem em funcionamento um centro de inovação, na Avenida Menéres. O objectivo é "adaptar a sua oferta aos hábitos e preferências do consumidor português e desenvolver produtos inovadores".

(Notícia corrigida às 18:05 com indicação de que o centro de inovação já se encontra a funcionar)



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
Saber mais e Alertas
pub