Web Summit Mercedes Benz vai ser “um dos principais patrocinadores do Web Summit”

Mercedes Benz vai ser “um dos principais patrocinadores do Web Summit”

Paddy Cosgrave revelou esta terça-feira que a Mercedes Benz “vão ter um papel importante na competição de pitch” na edição deste ano do Web Summit. Em comunicado, a construtora automóvel assume que vai ser “ um dos principais patrocinadores do Web Summit”.
Mercedes Benz vai ser “um dos principais patrocinadores do Web Summit”

A Mercedes Benz vai ser "um dos principais patrocinadores do Web Summit". A novidade surge no comunicado a propósito do lançamento do Digital Delivery Hub, da marca germânica, em Lisboa, esta terça-feira. Paddy Cosgrave, CEO do Web Summit, acrescentou, durante a conferência, que a construtora vai ter "um papel importante na competição de pitch" desta conferência de tecnologias e start-ups.

 

A competição de pitch é um dos momentos altos de cada edição do Web Summit.

 

Hub do Beato

 

Há um ano, a autarquia lisboeta comprou as antigas instalações militares, localizadas na região lisboeta do Beato. Lá vai nascer o Hub Criativo do Beato. Dadas as condições das estruturas, são necessárias obras de requalificação, não estando por isso ainda nenhuma empresa aí instalada. Em Novembro, Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa, disse em entrevista ao Negócios que a ideia para o Hub era que fosse qualificado por quem lá se instalar.

 

A primeira empresa a comunicar que ia abrir um escritório no Hub do Beato foi o Web Summit, o primeiro fora da Irlanda (entretanto, abriu um escritório provisório no Cais do Sodré).

 

O Digital Delivery Hub da Mercedes Benz poderá, no futuro, vir a ter um escritório no Hub do Beato. Ainda assim, para já não garantias que isso se vá concretizar.

 

"Virar da página"

Fernando Medina, marcou presença na inauguração do Digital Delivery Hub da Mercedes, em Lisboa. O autarca assinalou que "este projecto é especial" pois "marca um virar da página na Mercedes e na cidade de Lisboa".

 

Fernando Medina assinalou que a cidade tinha três compromissos que queria assumir. O primeiro passa por "sermos, e apostamos em continuar a ser, uma cidade que continua a produzir talento". "Em segundo a Câmara Municipal é uma parceira comprometida com o vosso sucesso, sucesso da Mercedes e das empresas".

 

E "em terceiro Lisboa é uma cidade aberta, tolerante e cuida de todos os que a procuram e tem a ambição de que todos os que para aqui vêm concretizem os seus sonhos".

 

Em Novembro do ano passado, o autarca já tinha apontado que "Lisboa acolhe bem a diferença". "Recebemos bem quem nos procura e vem de fora. Acolhemos bem a diferença, respeitamo-la e vivemos bem com ela. Nós julgávamos, na nossa geração, que o mundo era todo assim, e o mundo hoje já não é assim", acrescentou na altura.

 




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
pertinaz 09.05.2017

PARABÉNS JORGE AGUIAR (MERCEDES)... O ESTUPOR DO MEDINA QUER COLHER LOUROS DO TRABALHO DOS OUTROS (GOVERNO PSD/CDS E MERCEDES)...!!!

pub
pub
pub
pub