Desporto Messi vai ser marca na China com parque temático inspirado no jogador

Messi vai ser marca na China com parque temático inspirado no jogador

Os adeptos chineses poderão em breve celebrar os feitos de Lionel Messi, jogador do Barcelona, num parque temático que vai ser construído em Pequim.
Messi vai ser marca na China com parque temático inspirado no jogador
Reuters
Negócios 02 de junho de 2017 às 16:13

Está em fase de construção na China o Messi Experience Park, inspirado no futebolista Lionel Messi – cinco vezes galardoado com o prémio de melhor jogador do mundo –, naquela que é uma iniciativa do grupo chinês de difusão televisiva Phoenix e do grupo espanhol de media Mediapro, revelou a agência Reuters.  

 

De acordo com a mesma fonte, o parque temático abrirá portas em 2019 na capital chinesa. Messi esteve presente, na quinta-feira, 1 de Junho, no evento de lançamento do projecto, tendo dito que se sentia grato por terem pensado nele.

 

O parque temático inspirado no número 10 do Barcelona, que joga igualmente pela selecção da Argentina, terá 20 atracções indoor e outdoor, num espaço de 42.000 metros quadrados, onde os visitantes poderão "mergulhar no universo de Messi", salienta um comunicado do seu grupo, o Leo Messi Management.

 

"Espero poder oferecer-lhes uma experiência que nunca tenham tido e incentivar as pessoas a jogarem futebol desde cedo", declarou Messi aos jornalistas, citado pela Reuters.

 

Por seu lado, David Xirau, director da Mediapro Exhibitions, disse que o parque temático recorrerá "à mais avançada tecnologia" de modo a conjugar as atracções com espaços para jogar futebol.

 

Muitas empresas na China começaram nos últimos anos a investir fortememente em clubes estrangeiros de futebol, depois de o presidente Xi Jinping ter incentivado a que o país desenvolva uma indústria futebolística de classe mundial.

 

Messi, recorde-se, foi acusado, juntamente com o seu pai Jorge, de fraude fiscal no valor de 4,1 milhões de euros por rendimentos obtidos em publicidade entre 2009 e 2011 que não declarou para pagamento de impostos.

 

O jogador tem pendente uma pena de prisão de 21 meses e uma multa de dois milhões de euros. O seu recurso foi rejeitado pelo Supremo no mês passado, se bem que seja pouco provável que seja detido, salienta a Reuters.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Conselheiro de Trump 02.06.2017

Nao sei ate onde vai a ganacia de Messi,so sei que se ele vier acabar a carreira na China,vai dobrar a conta bancaria,mesmo indo de moletas.Foi feliz em ter nascido com os pes em vez da cabeca.A china estanca para o ver jogar.Mundo aos pontapes(na bola).

pub
pub
pub
pub