Banca & Finanças Mourinho Félix: Interesse do Minsheng alarga oportunidades para o Novo Banco

Mourinho Félix: Interesse do Minsheng alarga oportunidades para o Novo Banco

O interesse do grupo chinês Minsheng Investment no Novo Banco é positivo porque, segundo o secretário de Estado do Tesouro, coloca pressão sobre as quatro propostas na venda directa.
Mourinho Félix: Interesse do Minsheng alarga oportunidades para o Novo Banco
Miguel Baltazar/Negócios
Diogo Cavaleiro 06 de outubro de 2016 às 16:40

O secretário de Estado do Tesouro, Ricardo Mourinho Félix, acredita que o Novo Banco tem mais possibilidades para o seu futuro com o interesse demonstrado por novos investidores, como o grupo chinês Minsheng.

 

À Reuters, o governante afirmou que o processo de venda directa, em que há quatro grupos interessados, "está numa fase final". "A partir de agora, é natural que haja propostas finais e portanto a autoridade de resolução olhará".

 

Embora sem confirmação oficial, BCP, BPI, Loan Star e Apollo/Centerbridge são os concorrentes na corrida pelo Novo Banco no procedimento que corresponde ao plano A do Banco de Portugal. O plano B é a venda em mercado de posições relevantes a investidores qualificados. E, aí, sabe-se que o China Minsheng Investment Group é um dos interessados.

 

A procura pelo grupo chinês é, segundo Mourinho Félix, "positiva, no sentido em que cria pressão compradora sobre o activo e põe pressão obviamente sobre os quatro candidatos, que são aqueles que neste momento estão a discutir com o Banco de Portugal", segundo o secretário de Estado disse, por telefone, à agência de informação Reuters, no mesmo dia em que também deu uma entrevista à Bloomberg na sua viagem a Nova Iorque.

"Foi pedida informação adicional, a chamada 'confirmatory due diligence' em que os interessados fazem pedidos adicionais de informação e avaliam a qualidade da carteira de activos", disse sobre este procedimento de venda directa.

 

"Para [a] segunda hipótese [a venda em mercado], todo o interesse que venha a existir é bem-vindo, porque essa hipótese é uma alternativa que pode ser mantida em cima da mesa, alarga o leque de possibilidades, aumenta o valor a que se possa vir a conseguir", acrescenta ainda o secretário de Estado na mesma entrevista.

 

"Tenho conhecimento que houve pedidos de informação ao Fundo de Resolução e este tem encaminhado esses interesses para quem de direito - o Banco de Portugal (BP) - no sentido de poderem ter acesso a informação nas mesmas condições que outros tiveram, assinando os respectivos acordos de confidencialidade e podendo fazer uma avaliação".

 

Interesse noutros activos do Novo Banco

 

Ricardo Mourinho Félix também vê a manifestação de interesse do grupo que quer ser o JPMorgan chinês como uma forma de dar visibilidade a certos activos em separado.

 

"Permite trazer outro interesse para outros activos, nomeadamente para activos do próprio Novo Banco que possam ser vendidos", indica. 


A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 06.10.2016


SALÁRIO MÉDIO DOS PROFESSORES PORTUGUESES É O 3.º MAIS ALTO DA EUROPA, EM 2015 (antes da reposição dos salários da FP).

"No caso dos docentes com salários mais altos, em que o rendimento dos docentes é superior ao PIB per capita, Portugal aparece em destaque como o terceiro com salários mais elevados da Europa: Bosnia Herzegovina (327%), Chipre (282%) e Portugal (245%)."

Relatório da Eurydice.

comentários mais recentes
Caga Chenes 08.10.2016

Este Boy sera Irmao do Pintelhos e primo do Mexias-te. Tanto alarido e sera sempre com perdas para o contribuinte Tuga. Farto de Vendidos dizem todos mal uns dos Outros mas sao filhos do mesmo pai.

Anónimo 06.10.2016


PENSIONISTAS DA FP ROUBAM OS TRABALHADORES DO PRIVADO.

Os descontos efetuados pela FP só permitem pagar metade do valor das pensões.

O resto vem dos impostos pagos por todos os portugueses (ou seja, NÃO é propriedade do pensionista)!

É ROUBADO pelo pensionista.

Anónimo 06.10.2016


SALÁRIO MÉDIO DOS PROFESSORES PORTUGUESES É O 3.º MAIS ALTO DA EUROPA, EM 2015 (antes da reposição dos salários da FP).

"No caso dos docentes com salários mais altos, em que o rendimento dos docentes é superior ao PIB per capita, Portugal aparece em destaque como o terceiro com salários mais elevados da Europa: Bosnia Herzegovina (327%), Chipre (282%) e Portugal (245%)."

Relatório da Eurydice.

pub
pub
pub
pub