Telecomunicações Murteira Nabo: Bava e Granadeiro “cederam a uma estratégia destruidora de valor para a PT”

Murteira Nabo: Bava e Granadeiro “cederam a uma estratégia destruidora de valor para a PT”

O antigo presidente da Portugal Telecom, em entrevista ao Público, fala sobre o passado da empresa. Agora, com a Altice, considera a estratégia de compra da TVI acertada. Mas, se fosse regulador “era capaz de não autorizar”.
Murteira Nabo: Bava e Granadeiro “cederam a uma estratégia destruidora de valor para a PT”
Negócios 20 de novembro de 2017 às 09:40

O antigo presidente da Portugal Telecom, Francisco Murteira Nabo defende que Zeinal Bava e Henrique Granadeiro "cederam a uma estratégia destruidora de valor para a PT".

"O Zeinal e o Granadeiro cometem um erro. Cederam a uma estratégia destruidora de valor para a PT. O maior erro que Bava cometeu foi aceitar, ou, se quiser, liderar um processo de destruição de valor de uma empresa que foi perdendo capacidade de negócio", afirmou numa entrevista ao Público esta segunda-feira, 20 de Novembro.

Na conversa, o antigo líder da PT recorda a má escolha em investir na brasileira Oi, transformando-o numa "aliança má" com potencial para "destruir a empresa". "A Oi tinha um problema que a PT não viu. "Foi outro erro que Bava fez: não ter avaliado o que é que a Oi significava em termos de futuro. A Oi era a maior empresa de telecomunicações do Brasil, mas tinha uma rede fixa em cobre por todo o Brasil e que tinha de mudar para fibra e portanto precisava de dinheiro. E a PT podia dar ‘know -how’ mas não dinheiro", justifica.


Murteira Nabo fala também sobre o presente e, apesar de não conhecer a Altice, a sua "sensibilidade é que a Altice está numa estratégia correcta" na compra da TVI para se alimentar de conteúdos. "Agora, se fosse regulador, era capaz de não autorizar", adverte.


A ideia acaba por ser mais desenvolvida no Jornal de Notícias, onde defende que a concorrência deve defender o mercado na compra da TVI. Para Murteira Nabo, a Autoridade da Concorrência deve "analisar com cuidado" e "exigir um nível de contrapartida tal que torne a operação boa para o mercado".




A sua opinião20
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 3 semanas

Investiguem quanto este tipo andou a pedir à Mercer? Um chulo.

Anónimo Há 3 semanas

Primo do Jorge Coelho. Não pagou a sisa e foi promovido para Presidente da PT. Pagou o favor pondo a PT a comprar a Lusomundo e controlar os media. Porque não te calas?

curoka Há 3 semanas

Sempre a comprar melhores que o bcp patos

lesados Há 3 semanas

Onde estão os lesados da PT? já recuperaram o dinheiro que investiram na empresa para manterem estes de pansa cheia. Ou continuam a comprar agora estão a um preço de arromba é de aproveitar!

ver mais comentários
pub