Tecnologias Novos Nokia "low cost" chegam ao mercado em 2017  

Novos Nokia "low cost" chegam ao mercado em 2017  

Os telemóveis Nokia vão regressar ao mercado, depois da empresa finlandesa ter sido comprada. Dois novos equipamentos, com funcionalidades básicas e um preço reduzido, chegam ao mercado no próximo ano.
Novos Nokia "low cost" chegam ao mercado em 2017  
DR
Negócios 13 de dezembro de 2016 às 11:58

O Nokia 150 e o Nokia 159 Dual SIM são os dois primeiros modelos fabricados sob a chancela da HMD Global. Os telemóveis serão lançados no próximo ano em "mercados seleccionados" e terão um preço base de 26 dólares (24,6 euros à cotação actual). Em comunicado, a empresa afirma que os telefones terão uma interface "familiar", de forma a responder às necessidades daqueles que procuram um equipamento de "grande qualidade, acessibilidade e fácil de usar".

 

Os novos telefones Nokia terão um ecrã de 2,4 polegadas e um teclado físico. Os dispositivos estarão equipados com rádio FM, leitor MP3 e contarão com uma autonomia da bateria "incrível", sublinha a HMD, com capacidade para 22 horas de conversação. Em termos de autonomia em standby, a versão single SIM poderá aguentar até 31 dias e a versão dual SIM apresentará uma durabilidade de 25 dias.

 

Em termos de câmara, o comunicado refere que os telemóveis terão uma câmara de qualidade VGA com flash LED e que os utilizadores poderão partilhar as fotografias via Bluetooth.

 

Em termos de jogos, a empresa revela que os dispositivos terão instalado jogos como o clássico Snake Xenzia e uma versão para experimentar e comprar do Nitro Racing desenvolvido pela Gameloft.

 

Fabricados com capas de policarbonato e resistentes aos riscos, os novos modelos são "construídos para durar", garante a empresa responsável pelo fabrico dos telemóveis Nokia.

 

No início deste mês, a HMD já havia anunciado o regresso aos "telefones estúpidos", sob o argumento do amor à marca Nokia. A empresa garante também, um regresso da Nokia ao mercado de smartphones e tablets, equipados com o sistema operativo Android.

 

Segundo a Reuters, o mercado de telefones básicos tem tido maior expressão na Índia e em determinadas regiões da Ásia e da Europa.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 4 dias

sempre gostei da nokia
quando chegarem os novos,vou comprar

pub