Banca & Finanças Nuno Amado: "Não há mais comissões a cobrar em Portugal"

Nuno Amado: "Não há mais comissões a cobrar em Portugal"

O BCP pretende manter o nível de comissões cobradas aos clientes no mercado português. "Não há mais comissões a cobrar em Portugal ", garante Nuno Amado.
Nuno Amado: "Não há mais comissões a cobrar em Portugal"
Bruno Simão/Negócios
Maria João Gago 27 de julho de 2017 às 18:19

"Não há mais comissões a cobrar em Portugal", garantiu Nuno Amado, presidente do BCP,  a apresentação dos resultados semestrais, em que o banco lucrou 89,9 milhões de euros.

 

O banqueiro garante que o BCP vai manter "o nível de comissões estável" no mercado português.

 

Em termos consolidados, o aumento de 3,1% das comissões líquidas, que se situaram em 330,3 milhões, contribuiu para a recuperação dos resultados do semestre. No entanto, este crescimento deveu-se às operações internacionais.

Na operação doméstica, as comissões líquidas caíram 1,9%, para 225,2 milhões.




Saber mais e Alertas
pub