Empresas Passos diz que fecho de balcões é um “cinismo atroz” do PS, BE e PCP

Passos diz que fecho de balcões é um “cinismo atroz” do PS, BE e PCP

O líder da oposição diz não compreender a decisão de encerramentos dos balcões da Caixa. Se não é para fazer serviço público para que serve um banco público, questiona.
Passos diz que fecho de balcões é um “cinismo atroz” do PS, BE e PCP
Lusa 18 de março de 2017 às 16:01
O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, afirmou hoje que o encerramento de balcões da Caixa Geral de Depósitos (CGD) é de um "cinismo atroz" por parte dos socialistas, comunistas e bloquistas.

"No meu tempo, ele [banco] era público e essas agências existiam, porque é que agora têm de encerrar, agora que o banco tem de ser defendido como um banco público apoiado por comunistas, bloquistas e socialistas, isto é de um cinismo atroz, um cinismo atroz", disse, durante um almoço das mulheres sociais-democratas do distrito do Porto, realizado em Ermesinde.


Passos Coelho lembrou que o presidente da CGD veio dizer que, por causa do plano de reestruturação, que não há "nenhuma razão" para que a caixa tenha balcões em partes do território nacional onde os outros bancos não têm, questionando se o facto de a caixa ser pública não pressupõe "até certo ponto" um nível de serviço público.


"Se a ideia é não vale a pena estar onde os outros também não estão, como é que eles sustentam a ideia de que o banco deva ser público, há de ser público porquê", questionou.


O social-democrata entendeu que se o Estado português quer ter um banco público não pode deixar de observar as regras da concorrência, mas daí a dizer que tem de funcionar como um banco privado "desautoriza" quem entende que ele deva ser público.




A sua opinião19
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
O PSD tornou-se num ninho de ratos gordos. Há 4 dias

Com o meu voto acabou ,não mamam mais.

Calados que nem Ratos Há 5 dias

xuxxas, kumunas e brochiistas a ver se não se fala mais no assunto.

Valt Há 6 dias

Se este gajo fosse 1º ministro, fechavam os balcões todos

Anónimo Há 6 dias

Porque não te calas? É um milagre ser e ainda continuar como presidente do PSD. Antigamente os políticos eram cultos, inteligentes, competentes e honestos, etc. Agora, quanto mais iletrados, "espertos", incompetentes e desnonestos, mais longe vão. Por isso, este país está quase a chegar à bancarrota

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub