Banca & Finanças Paulo Macedo confia poupanças ao BCP
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Paulo Macedo confia poupanças ao BCP

Paulo Macedo, que teve de se desvincular do BCP antes de entrar na CGD, tem a grande totalidade das aplicações no BCP ou na Ocidental, ligada ao banco. Antes de ser ministro, o gestor tinha acções e, mais uma vez, o BCP estava em destaque.
Paulo Macedo confia poupanças ao BCP
Miguel Baltazar/Negócios
Diogo Cavaleiro 01 de fevereiro de 2017 às 00:01

É no Banco Comercial Português que o seu ex-vice-presidente Paulo Macedo confia a aplicação de grande parte das suas poupanças. Além de contas-poupança no banco, contam-se várias apólices subscritas

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
o armado em nuno Há 4 semanas

os chineses vão começar a construir prédios e não só cá em portugal porque lá já nem conseguem respirar e quem vai emprestar o dinheirinho quem é .... é claro é o meu banquinho ; e depois não digam que eu não sou vosso amigo

Cuidado com os bancos, só há galdérios! Há 4 semanas

O BES era um banco de família, assim o diziam os empregados todos empertigados, quando eu tinha acções do BES ainda diziam q para além de ser de família tem muitas alavancas e é sólido! Uma empregada nova gestora de conta assim o afirmava! Quem foi no engodo bem se fornicou e ficou sem nada!

Homem livre Há 4 semanas

..isto é conversa de comadres sem interesse...pode ter as poupanças onde bem entender...não são dele!!!...tristeza de jornalismo da treta!

Indiano Há 4 semanas

Ha cada comentario. Acabou de entrar na caixa. Ja queriam que la tivesse as poupanças?

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub