Energia Plataforma Poupa Energia vai ser lançada este Verão

Plataforma Poupa Energia vai ser lançada este Verão

A Adene quer lançar em breve uma primeira versão da plataforma para mudar de fornecedor de electricidade e gás natural.
Plataforma Poupa Energia vai ser lançada este Verão
Pedro Elias/Negócios
André Cabrita-Mendes 20 de julho de 2017 às 11:51
A plataforma online Poupa Energia, vai permitir aos consumidores de electricidade e de gás natural compararem diferentes tarifários e mudarem de fornecedor de energia, vai ser lançada durante o Verão.

"A perspectiva da Adene - Agência para a Energia é que muito rapidamente tenhamos uma versão de demonstração do portal de modo a assegurar que ainda durante o Verão entre em produção a primeira versão do portal Poupa Energia", disse ao Negócios fonte oficial da Secretaria de Estado da Energia.

"Este portal será lançado de forma gradual, prevendo-se a apresentação trimestral de novas funcionalidades em função do grau de adesão/necessidades dos consumidores, do grau de integração com as plataformas existentes e da interacção com comercializadores", acrescenta a mesma fonte.

A Adene vai passar assim a gerir os dados de, pelo menos, seis milhões de consumidores de electricidade e de gás natural, tendo em conta só os que se encontram actualmente no mercado liberalizado. Para isso, pediu autorização à Comissão Nacional de Protecção de Dados (CNPD) em Maio para ter acesso a estes dados que estão actualmente nas mãos da EDP Distribuição e da REN Gasodutos.

A autorização deverá ser decretada até ao final do mês de Julho, com a imposição das respectivas condições para a Adene poder gerir os dados, conforme avançou a CNPD ao Negócios.

A Adene já está, em conjunto com a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, EDP Distribuição e REN Gasodutos a "preparar um plano de transição, que assegure que esta transferência seja efectuada sem quaisquer impactos para os consumidores", sublinhou a Secretaria de Estado da Energia. n
André cabrita-mendes



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 20.07.2017

ATENÇÃO - A GOLDENERGY está supostamente INSOLVENTE.
Conhecida pelos contratos de fornecimento de energia fraudulentos, está supostamente a enganar os seus clientes. A administração que aufere vencimentos milionários, está a aplicar aos clientes estimativas de consumo elevadas e não faz reembolsos.

pub
pub
pub
pub