Energia Portugal é o terceiro país da UE com maior peso de taxas e impostos na factura da luz

Portugal é o terceiro país da UE com maior peso de taxas e impostos na factura da luz

52% do preço da electricidade cobrado em Portugal é para impostos e taxas, um valor que coloca o país acima da média da União Europeia, de acordo com os dados do Eurostat.
Portugal é o terceiro país da UE com maior peso de taxas e impostos na factura da luz
Bloomberg
Sara Ribeiro 29 de novembro de 2017 às 11:36

Mais de metade (52%) do preço da factura da luz pago pelos portugueses é para impostos e taxas. De acordo com os dados do Eurostat divulgados esta quarta-feira, 29 de Novembro, Portugal está acima da média dos países da União Europeia, onde os impostos e taxas representam 37% da factura.

Aliás, só a Dinamarca (67%) e a Alemanha (54%) ultrapassam Portugal no peso das taxas no preço da electricidade. Já Malta (5%), Croácia (15%) e Bulgária ocupam o final da lista com os dados do primeiro semestre do ano.

No que toca ao preço da luz, os valores cobrados em Portugal estão pouco acima da média da União Europeia situando-se em 22,8 euros por 100 kWh. No geral, na Europa, os preços da electricidade registaram uma descida ligeira de 0,5%, tendo alcançado uma média de 20,4 euros/100 Kwh.

A Bulgária é o país com os valores mais baixos (9,6 euros), enquanto a Dinamarca e a Alemanha têm os valores mais elevados, ambos com 30,5 euros.

O gás seguiu a mesma tendência, tendo recuado em média 6,3% para 5,8 euros por 100 kWh. Portugal está acima da média com 7,7 euros, sendo apenas superado pela Dinamarca (8,1 euros). No lado inverso, está a Bulgária (3,3 euros), Hungria (3,5 euros) e Croácia (3,6 euros).

O peso das taxas e dos impostos na conta do gás é menor, com as facturas nacionais a seguiram a média europeia (26%) ao alcançarem 27%.




A sua opinião9
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Antunes Há 1 semana

Só se lembram de dizer essas coisas, que os Portugueses são o terceiro país da UE com maior peso de taxas e impostos na factura da luz, mas esquecem-se de dizer que Portugal é o terceiro pais com o maior PIB per capita e poder de compra. Isso ja nao se lembra de dizer. Sabem muito...

ricky Há 1 semana

Já se sabe que quando é para pagar taxas, taxinhas, impostos e outros que tais, o Tuga vai sempre à frente. O problema é que depois não tem direito a nada ...

fanã Há 1 semana

Nem quero imaginar a quantia de dinheiro de Impostos e outras obrigações , que entra nos cofres do Estado POR DIA !. Para um País com rendimentos por pessoa em geral tão baixos , ultrapassamos a barreira do inadmissível . mas enfim ..somos um POVO MANSO , como dizia um certo Ministro de má memoria !

Mas isto é noticia? Há 1 semana

Somos um país periférico pelo que faz todo o sentido que a energia seja bem mais cara.

ver mais comentários