Energia Portugal é o terceiro país da UE com maior peso de taxas e impostos na factura da luz

Portugal é o terceiro país da UE com maior peso de taxas e impostos na factura da luz

52% do preço da electricidade cobrado em Portugal é para impostos e taxas, um valor que coloca o país acima da média da União Europeia, de acordo com os dados do Eurostat.
Portugal é o terceiro país da UE com maior peso de taxas e impostos na factura da luz
Bloomberg
Sara Ribeiro 29 de novembro de 2017 às 11:36

Mais de metade (52%) do preço da factura da luz pago pelos portugueses é para impostos e taxas. De acordo com os dados do Eurostat divulgados esta quarta-feira, 29 de Novembro, Portugal está acima da média dos países da União Europeia, onde os impostos e taxas representam 37% da factura.

Aliás, só a Dinamarca (67%) e a Alemanha (54%) ultrapassam Portugal no peso das taxas no preço da electricidade. Já Malta (5%), Croácia (15%) e Bulgária ocupam o final da lista com os dados do primeiro semestre do ano.

No que toca ao preço da luz, os valores cobrados em Portugal estão pouco acima da média da União Europeia situando-se em 22,8 euros por 100 kWh. No geral, na Europa, os preços da electricidade registaram uma descida ligeira de 0,5%, tendo alcançado uma média de 20,4 euros/100 Kwh.

A Bulgária é o país com os valores mais baixos (9,6 euros), enquanto a Dinamarca e a Alemanha têm os valores mais elevados, ambos com 30,5 euros.

O gás seguiu a mesma tendência, tendo recuado em média 6,3% para 5,8 euros por 100 kWh. Portugal está acima da média com 7,7 euros, sendo apenas superado pela Dinamarca (8,1 euros). No lado inverso, está a Bulgária (3,3 euros), Hungria (3,5 euros) e Croácia (3,6 euros).

O peso das taxas e dos impostos na conta do gás é menor, com as facturas nacionais a seguiram a média europeia (26%) ao alcançarem 27%.




pub