Empresas Portugal já marca golos na nova competição da UEFA

Portugal já marca golos na nova competição da UEFA

Uma agência portuguesa foi a responsável pelo conceito e desenho da Liga de Nações da UEFA, a nova competição que arranca em Setembro de 2018.
A carregar o vídeo ...
André Cabrita-Mendes 26 de setembro de 2017 às 12:51
Os aborrecidos jogos amigáveis entre selecções nacionais vão passar a ser uma miragem a partir de 2018. No próximo ano vai arrancar um novo torneio europeu onde as 55 nações associadas da UEFA vão jogar em modo de liga: a Liga de Nações da UEFA.

Mas ainda antes da competição arrancar, os portugueses já estão a marcar golos na Liga das Nações da UEFA: o conceito e desenho do logótipo foi concebido pela agência de criatividade sediada em Lisboa, Young & Rubicam Branding.

"O logótipo da competição traduz a identidade da marca: uma bandeira que representa as 55 nações envolvidas, com as quatro ligas que marcam a competição", pode-se ler no comunicado divulgado pela agência esta terça-feira, 26 de Setembro.

"Estamos bastante orgulhosos do resultado final a que chegámos e mal podemos esperar para perceber como é que os fãs irão reagir a esta nova marca", diz em comunicado o director criativo da agência, Hélder Pombinho.

A nova competição arranca em 2018: dois jogos em Setembro, dois jogos em Outubro, dois jogos em Novembro, com a fase final (semi-finais, terceiro lugar e final) a terem lugar em Junho. Este torneio vai ter quatro ligas (A, B,C,D) , constituídas por quatro grupos cada um. Os vencedores dos quatro grupos na Liga A qualificam-se para a fase final em Junho de 2019.

Entretanto, os últimos classificados dos grupos são despromovidos para a liga abaixo, enquanto os respectivos vencedores são promovidos para a liga acima (à excepção dos quatro primeiros da Liga que jogam a fase final).

"Na UEFA Nations League, todos os jogos contam. O sistema de identidade do torneio inspirou-se precisamente nestas características vibrantes do torneio e nas cores das bandeiras nacionais das 55 nações que nele participarão. Uma identidade que, tal como o torneio, está em constante mudança. Esta mudança é representada a partir de triângulos – que se movem para cima e para baixo – simbolizando as subidas e descidas das selecções nas diferentes ligas", afirma a  Young & Rubicam Branding.

O que é que acontece à qualificação para o Euro 2020? A partir de 2018, o acesso à competição passa a ter dez grupos, com as duas melhores equipas de cada grupo, no total de 20, a apurarem-se automaticamente. As restantes quatro posições serão ocupadas pelos quatro vencedores dos playoffs disputados pelo vencedores de cada liga da Liga das Nações. Este playoff é jogado pelos vencedores dos quatro grupos de cada uma das ligas do novo torneio.



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub