Turismo & Lazer Portugal quer simplificar vistos com a Rússia

Portugal quer simplificar vistos com a Rússia

O Governo português vai trabalhar na "simplificação de vistos" com a Rússia para "desbloquear o fluxo de turistas russos para Portugal", disse a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, à Lusa.
Portugal quer simplificar vistos com a Rússia
Bruno Simão
Lusa 02 de outubro de 2017 às 14:24
A governante, que esteve em São Petersburgo para receber o prémio de melhor destino europeu dos World Travel Awards, esteve também em Moscovo, onde se encontrou com a homóloga russa para falar sobre a simplificação dos vistos.

"Vamos trabalhar a nível da simplificação dos vistos com a Rússia para dinamizar mais o mercado porque é, neste momento, um dos factores críticos que pode ajudar a desbloquear o fluxo de turistas russos para Portugal", afirmou Ana Mendes Godinho à Lusa, sublinhando que também deu essa garantia aos operadores russos que já trabalham no mercado português.

A secretária de Estado sublinhou que o mercado russo "pode ser um mercado com um potencial de crescimento grande para Portugal" e que, em 2017, houve "uma duplicação da capacidade aérea para Portugal", algo que vê como "um fator chave para conseguir trazer mais turistas russos para Portugal".

"Em 2016, tivemos 90.000 russos em Portugal depois de períodos de quebra. Portanto, em 2016, o mercado russo começou a recuperar para Portugal, muito associado à existência de novas rotas aéreas, e em 2017 está com crescimento de 30% para Portugal", apontou.

Ana Mendes Godinho lançou, ainda, na Rússia, a campanha de promoção 'Can't Skip Portugal', tendo estado, também, a promover o país junto da imprensa e operadores turísticos russos e contando vir a ter visitas de agências turísticas russas a Portugal, em Novembro.

A acção de promoção do turismo de Portugal na Rússia culminou com a atribuição ao país do prémio de melhor destino europeu dos World Travel Awards, considerados como os 'óscares do Turismo', numa cerimónia que decorreu no sábado, em São Petersburgo.

"Este é mais um prémio que confirma o reconhecimento internacional que existe, neste momento, sobre Portugal. É a primeira vez que recebemos este prémio do World Travel Awards e eu diria que o significado particular é o facto de todo o país ter recebido o prémio. Pela primeira vez, é o país que é escolhido como destino e eu diria pela sua diversidade, pela sua riqueza de conjunto", sublinhou a secretária de Estado.

Ana Mendes Godinho participa hoje, em Paris, numa reunião de alto nível sobre políticas de turismo para um crescimento sustentável e inclusivo da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE).



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

FDXXX Querem cá a mafia russa

pub