Energia Preços dos combustíveis devem manter-se na próxima semana

Preços dos combustíveis devem manter-se na próxima semana

A evolução das matérias-primas nos mercados internacionais deverá ditar uma manutenção dos preços dos combustíveis na próxima semana.
Preços dos combustíveis devem manter-se na próxima semana
Bloomberg
Sara Antunes 10 de fevereiro de 2017 às 12:34

Os preços dos combustíveis deverão manter-se na próxima semana no mesmo nível que o praticado actualmente. Isto tendo em conta a evolução das matérias-primas no mercado internacional. Fonte do mercado confirmou ao Negócios que os preços devem manter-se.

 

O preço médio do litro de gasolina simples de 95 octanas encontra-se nos 1,493 euros, enquanto o litro do gasóleo simples está nos 1,266 euros, de acordo com a informação disponível no site da Direção Geral de Energia e Geologia.

 

O preço da gasolina até subiu mais de 1% no mercado internacional, enquanto o gasóleo registou um acréscimo de cerca de 0,5%, mas as evoluções são ligeiras e não deverão ter impacto nos postos de abastecimento.

 

A manutenção de preços surge depois de na semana passada se ter verificado um novo aumento. Desde o início do ano, os preços da gasolina simples de 95 octanas estão 4,3% mais caros, enquanto no gasóleo o aumento é de 3,4%, num período marcado pelo aumento do imposto sobre produtos petrolíferos (ISP), em dois cêntimos, no gasóleo, e pela descida, também em dois cêntimos, na gasolina. Estas alterações no ISP foram determinadas pelo Governo com o intuito de desincentivar o uso de veículos a gasóleo, que são mais poluentes, contrariando o que foi feito durante muitos anos.   




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 13.02.2017

E QUE TAL DA PROMESSA QUE O IMPOSTO SOBRE COMBUSTÍVEIS IRIA BAIXAR EM CASO DE AUMENTO DO PREÇO INTERNACIONAL, SENHOR MINISTRO??

AHH SIM, APENAS SE O BARRIL ATINGIR 1000 DÓLARES.

AO INFERNO COM A ESQUERDALHA!!!

SÍTIO MUITO MANHOSO 10.02.2017


...DEVE ER A SEMANA DOS GATUNOS DESCANSAREM, NA PRÓXIMA SEMANA SOBEM O DOBRO PARA RECUPERAREM...

Camponio da beira 10.02.2017

Pois, o barril do petróleo deve estar aí nos 150 dl e é preciso cobrar impostos para sustentar a corrupção e a incompetencia.