Energia Preços dos combustíveis não mexem na próxima semana

Preços dos combustíveis não mexem na próxima semana

O acordo para a OPEP e a Rússia prolongarem os cortes na produção não teve impacto relevante nas cotações dos combustíveis. Gasolina e gasóleo vão ficar com o mesmo preço na próxima semana.
Preços dos combustíveis não mexem na próxima semana
Nuno Carregueiro 01 de dezembro de 2017 às 13:37

Não é muito habitual mas vai acontecer na próxima semana. Não haverá alterações nos preços de venda a público da gasolina e do gasóleo em Portugal, reflectindo as variações pouco expressivas registadas nas cotações dos dois combustíveis e também no câmbio do euro face ao dólar.

 

A tonelada métrica da gasolina, tendo em conta o preço médio das últimas quatro sessões, ficou estável face o mesmo período da semana anterior. No caso do gasóleo verificou-se uma descida de 0,5%, que é insuficiente para ter reflexo no preço que consumidores vão pagar para abastecer o automóvel a partir de segunda-feira.


Na segunda-feira passada o preço de venda ao público do gasóleo simples também ficou estável, em 1,28 euros por litro. Já a gasolina 95 octanas simples tinha ficado 0,6 cêntimos mais barata, com um preço médio de 1,497 euros, de acordo com os valores publicados pela Direcção Geral de Energia.

 

Há três semanas os preços atingiram o valor mais elevado desde Agosto de 2015. A estabilização dos preços esta semana acontece apesar de na quinta-feira a OPEP e a Rússia terem selado um acordo para prolongarem os cortes na produção de petróleo até final do próximo ano. O barril de brent em Londres está esta sexta-feira a transaccionar acima dos 63 dólares, acumulando uma subida de mais de 11% este ano.

 

A evolução dos preços dos combustíveis é calculada pelo Negócios tendo por base a evolução das matérias-primas e do euro. Fonte do sector confirmou a evolução dos combustíveis prevista para esta semana, sendo que os preços e a dimensão da actualização dos mesmos depende de cada marca de abastecimento e da zona onde se encontra.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar