Política Monetária Presidente do Deutsche Bank apela ao BCE para pôr fim ao “dinheiro barato”

Presidente do Deutsche Bank apela ao BCE para pôr fim ao “dinheiro barato”

O presidente do Deutsche Bank pediu ao banco central que ponha termo à injecção de dinheiro barato, alegando que esta situação está a criar bolhas nos mercados de acções, obrigações e imobiliário.
Presidente do Deutsche Bank apela ao BCE para pôr fim ao “dinheiro barato”
reuters, bloomberg
Negócios 06 de setembro de 2017 às 10:07

"A era do dinheiro barato na Europa deve chegar ao fim – apesar do euro forte", afirmou John Cryan, presidente executivo do Deutsche Bank, numa conferência que reuniu vários banqueiros em Frankfurt, segundo a Reuters.

 

Estas declarações surgem um dia antes do fim da reunião de Setembro do Banco Central Europeu (BCE), cujas conclusões deverão ser conhecidas esta quinta-feira, 7 de Setembro. Não se prevê que sejam anunciadas medidas concretas, mas os investidores aguardam que sejam dadas pistas sobre o futuro da política monetária, mais concretamente sobre o início da retirada de estímulos.

 

Em causa está a o programa de compra de activos, que encetado pelo BCE para fazer frente à crise financeira. No âmbito das medidas de estímulo, o banco central da Zona Euro já injectou mais de dois biliões de euros na economia, uma medida que tem provocado divisões no seio da região, nomeadamente críticas por parte da Alemanha.

 

O responsável do Deutsche Bank alerta que esta política está a criar distorções no mercado. "Estamos a assistir a sinais de bolhas em cada vez mais sectores do mercado de capitais", salientou.

 




A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
luis Há 2 semanas

foi com juros altos que o triche rebentou com isto tudo. mas ok manda quem pode

Pronto , não digas mais : DIXIT Há 2 semanas

é o chamado "apelo" irrecusável. já estão de barriga cheia, e tripa limpa

Anónimo Há 2 semanas

Portugal devia começar a exportar estes comunas que aqui comentam para a China. O PIB ia certamente crescer ainda mais!

fcj Há 2 semanas

Concordo! Ponham o dinheiro caro para os países do sul... É a melhor forma destes se aliarem economicamente à grande CHINA!!! Já faltou mais...

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub