Banca & Finanças PSD teme que contribuintes sejam chamados a pagar solução para lesados do BES

PSD teme que contribuintes sejam chamados a pagar solução para lesados do BES

"Se os contribuintes, na primeira linha ou numa segunda linha, vierem a ser chamados a pagar, foi um mau compromisso", declarou Duarte Pacheco, deputado do PSD, comentando o acordo alcançado para os lesados do papel comercial.
PSD teme que contribuintes sejam chamados a pagar solução para lesados do BES
Correio da Manhã
Lusa 19 de dezembro de 2016 às 16:55
O deputado do PSD Duarte Pacheco manifestou hoje dúvidas sobre se a solução do Governo para atenuar as perdas dos lesados do papel comercial do Grupo Espírito Santo (GES) terá impactos para o contribuinte.

"Se a solução foi encontrada sem pôr os contribuintes a pagar, excelente. Se os contribuintes, na primeira linha ou numa segunda linha, vierem a ser chamados a pagar, foi um mau compromisso", declarou.

O deputado social-democrata adiantou que o grupo parlamentar irá requerer ao Governo que envie à Assembleia da República toda a informação sobre este compromisso, afirmando recear que tenha sido divulgada "apenas parte da verdade".

"A tradição deste último ano é que os contribuintes são sistematicamente chamados a pagar aquilo que são os acordos e as soluções que nós tememos que também aqui possa acontecer o mesmo", disse.

O primeiro-ministro, António Costa, afirmou hoje que a solução encontrada consiste num "compromisso equilibrado" que permite reforçar a confiança no sistema financeiro português.

O chefe do Governo afirmou que o mecanismo "garante aos contribuintes que não terão de assegurar com o seu esforço financeiro a ultrapassagem desta situação".

O mecanismo encontrado pelo Governo PS visa minorar as perdas dos cerca de 4.000 clientes do BES que compraram papel comercial do GES, que foi à falência, e cujo reembolso nunca receberam.

A sua opinião9
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Piratas Politicos Disto 21.12.2016

Estes criminosos PPDisto, so vos gozam entao eles nao sabem as vigarices que fazem? Cadê do Criminoso mor DDTudo. Dos Oliveiras e Bostas dos Loureiros que estao gozando os Bilhoes que vos roubam com a cobertura dos politcos castrados e ladroes. Pais do faz de conta, cheio de ladroes e foras da leis.

Vigaristas 19.12.2016

Claro que vão pagar. E para isso que trabalham. A não ser que os políticos paguem do próprio bolso. Mas honestamente, esses lesados não sao assim tão pobres. Temos aqui a lei a favor da máfia.

Anónimo 19.12.2016

A critica e trazer solucao,agora deitar achas para a fogueira,neste caso e brincar com quem levantou o pais,porque o barracao parlamentar tem uma divida que ultrapassa de longe os 240.000.000.000 de euros.FANTOCHE.

Anónimo 19.12.2016

Mais uns votos comprados com o dinheiro dos contribuintes. É o Socialismo, ESTÚPIDOS!!!

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub