Desporto Rio Ave demarca-se das suspeitas de manipulação de resultados no jogo com o Feirense

Rio Ave demarca-se das suspeitas de manipulação de resultados no jogo com o Feirense

O Rio Ave demarcou-se hoje das suspeitas de manipulação de resultados no encontro de segunda-feira com o Feirense, da 20.ª jornada da I Liga de futebol, e considerou que o esclarecimento da Santa Casa da Misericórdia pecou por tardio.
Rio Ave demarca-se das suspeitas de manipulação de resultados no jogo com o Feirense
Reuters
Lusa 07 de fevereiro de 2017 às 18:59

"Nas horas que antecederam o jogo com o Feirense, o Rio Ave foi surpreendido pelas notícias que veiculavam a tomada de posição do Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (DJSCML) em suspender as apostas referentes a esta partida", começa por dizer o comunicado da equipa de Vila do Conde.

 

A nota explica que a direcção, a equipa e respectivo 'staff' se encontravam em estágio para o jogo quando tomaram conhecimento, através da imprensa e redes sociais, do cancelamento das apostas no encontro da 20.ª jornada da I Liga, e das suspeitas de manipulação de resultados.

 

"O Rio Ave considera que o esclarecimento do DJSCML foi útil, mas tardio, já que na nossa perspectiva o mesmo deveria ter sido simultâneo à suspensão das apostas em causa, não permitindo alarmismos e esclarecendo a opinião pública e a imprensa", acrescenta.

 

O clube salienta que tem orgulho em ter nos seus quadros "atletas e profissionais íntegros e competentes, acima de qualquer suspeita, que diariamente são, como é do reconhecimento público, excelentes agentes promotores do desporto e do futebol em Portugal, bem como exemplos de cidadania".

 

"O Rio Ave demarca-se deste e qualquer assunto que desvirtue ou ponha em causa a verdade desportiva", diz o comunicado.

 

Os vila-condenses condenaram ainda a imprensa que, "ao noticiar o caso da forma como o fez, apresentando-o como ato passível de manipulação ou viciação de resultados", contribuiu para "um alarmismo geral, pondo em causa a honra, honestidade e integridade dos profissionais e instituições envolvidos".

 

Uma hora após anunciar o cancelamento das apostas, o DJSCML explicou, em comunicado, que suspendeu as apostas no Feirense-Rio Ave devido ao "volume atípico de apostas registados e ao risco financeiro envolvido".

 

O Feirense venceu o encontro, disputado no Estádio Marcolino Castro, em Santa Maria da Feira, por 2-1.

 




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Conselheiro de Trump Há 3 semanas

Com um magote enormissimo nao me lembrei do f.c.do porto,as minhas desculpas para o sucedido.

Conselheiro de Trump Há 3 semanas

Outra desgraca nacional.Nos temos uma extensao q vai de Braga ate ao porto,fugindo qualquer coisa ora a direita ora a esquerda apanha:o Braga,guimaraes,moreirense,p de ferreira,r ave e boavista,deste magote de clubes mantinham-se 3 na primeira divisao.Senao houver corrupcao como podem eles sobrevive

pub