Media Rui Rio: "A prioridade da comunicação social é tudo menos social"

Rui Rio: "A prioridade da comunicação social é tudo menos social"

O ex-presidente da Câmara do Porto voltou a criticar esta manhã os media, que diz terem responsabilidade na desgaste da democracia e um "fraco sentido de Estado".
A carregar o vídeo ...
Alexandra Noronha 17 de setembro de 2015 às 11:36

O ex-presidente da Câmara do Porto, Rui Rio, deixou esta manhã críticas ao papel da Comunicação Social que diz ser "tudo menos social", actualmente. "A liberdade de imprensa é um pilar fundamental da democracia", salientou, mas garantiu que "não são todas mas há demasiadas notícias deturpadas. Demasiadas notícias sem verdade, rigor, isenção e independência", criticou Rui Rio.

 

O político acredita que o objectivo é "pôr cá fora o que dá lucro, vende é dá menos prejuízo". E como consequência "os leitores têm caído", referiu Rui Rio. O ex-edil disse ainda que nas eleições para a Câmara do Porto "até hoje que a Comunicação Social colocou-se sempre do lado de quem perdeu e deu nota de que eles iam ganhar", referiu.

 

Rui Rio referiu ainda que "há muito fraco sentido de Estado da Comunicação Social, com permanentes violações do segredo de justiça e julgamentos populares. Num regime totalitário é de aplaudir, numa democracia é um crime brutal."

 

O político reconheceu que as empresas de media têm problemas financeiros, mas salientou que é preciso investigar o que é realmente um escândalo, porque neste momento "verdade ou mentira tudo é um escândalo".

 

Rui Rio, que esteve na apresentação de um estudo da ERC sobre modelos de negócios nos media, diz que a comunicação social passa para a opinião pública que tudo na política é corrupção, o que é mentira. 


A sua opinião23
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 17.09.2015

Rui Rio, diria mesmo que certa comunicação social está a soldo de interesses pessoais e de grupos, o mesmo se passa com a justiça, quando os interesses económicos se sobrepoem aos príncipios.

comentários mais recentes
Anónimo 18.09.2015

100% de acordo a comunicação hoje esta a soldo da esquerda , até quando os donos são de direita ,caso da SIC e do Expresso .È só questão de ver quem são os diretores desses orgãos.A TVInão admira porque pertence a PRISA televisão do PS Espanhol.Vejam o déficit democratico de Costa..

luis6outubro1969 17.09.2015

este candidato a ditador esta a preparar o futuro, candidatar-se a presidente da republica se a quadrilha a que pertence ganhar as eleições.
as primeiras medidas que tentará impor serão , arrumar para o lado quem se meter no seu caminho como por exemplo:acabar com o tribunal constitucional e controlar a comunicação social, como já fez enquanto presidente da CMP , se a comunicação social fosse livre e independente na altura todos saberiam quem é este ditador na verdade.

Irene Saldanha da Cruz 17.09.2015

Completamente de acordo!

Anónimo 17.09.2015

Dr. Rui Rio vá lá dizer isso ao Correio da Manha. Eles consideram-se os maiores e os mais independentes. O que vale é que só eles acreditam.

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub