Energia Shell aumenta lucros e supera projecções

Shell aumenta lucros e supera projecções

A Shell apresentou lucros de 2,5 mil milhões de euros no terceiro trimestre, superando as estimativas dos analistas, de acordo com a Bloomberg.
Shell aumenta lucros e supera projecções
Bloomberg
Negócios 01 de Novembro de 2016 às 09:33

A Shell apresentou lucros acima dos estimados pelos analistas. Nos resultados do terceiro trimestre deste ano a petrolífera avançou 17% para 2,79 mil milhões de dólares (2,5 mil milhões de euros), o que superou os 1,79 mil milhões aguardados pelos analistas contactos pela Bloomberg.

A Shell concluiu, em Fevereiro, a aquisição da BG. A petrolífera conseguiu aumentar as sinergias da aquisição e utilizar o crscente "cash flow" para garantir o dividendo. Apesar da queda dos preços do petróleo nos últimos anos. 

Segundo a Bloomberg, enquanto a produção da Shell foi impulsionada pela aquisição da BG, da Austrália à América Latina, a empresa viu-se no entanto obrigada a assumir uma dívida pesada e limitar os gastos.

O investimento deverá em 2017 ser de 25 mil milhões de dólares, no mínimo do intervalo apontado de entre 25 a 30 mil milhões. E menor que os 29 mil milhões de dólares deste ano. A empresa gerou 8,5 mil milhões de dólares das operações no terceiro trimestre e vendeu 200 milhões de dólares de activos.

O lucro do negócio de exploração e produção totalizou quatro milhões no trimestre, o que compara com perdas um ano antes. Já o negócio da refinação e distribuição, os resultados caíram 21% para 2,08 mil milhões de dólares. Ambas as divisões bateram as estimativas dos analistas.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub