Banca & Finanças SIBS: Dezembro de 2017 registado como o melhor mês de sempre

SIBS: Dezembro de 2017 registado como o melhor mês de sempre

A entidade que gere a rede Multibanco, a SIBS, revelou que o mês de Dezembro de 2017 ficou registado como o melhor mês de sempre do Multibanco. Foram processadas mais de 250 milhões de operações.
SIBS: Dezembro de 2017 registado como o melhor mês de sempre
Negócios 03 de janeiro de 2018 às 11:45

Dezembro foi o melhor mês de sempre para a rede Multibanco, de acordo com informação revelada pela SIBS, entidade gestora desta rede. Foram processados mais de 250 milhões de operações. Além disso, em termos de processamentos mensais foi alcançado um recorde: mais de 100 milhões de compras realizadas através dos terminais de pagamento automático.

Olhando para os dias que antecederam a quadra natalícia, os dados da SIBS, presentes no comunicado, indicam que a 22 de Dezembro foram processadas mais de 10,5 milhões de operações, o que representa o maior número de operações processadas.

Já no dia seguinte, a 23 de Dezembro, foi o dia com o maior número de compras – tendo fixado na casa dos cinco milhões. "O pico instantâneo da Rede MULTIBANCO (Caixas Automáticos e Terminais de Pagamento Automático) foi registado neste mesmo dia (23/12), às 12h11m17s, com 263 operações processadas num segundo", refere o comunicado.

"Ainda neste dia (23/12), foi ultrapassado o meio milhão de utilizadores MB WAY, que efectuaram mais de 1 milhão de operações, num valor superior a 37 milhões de euros", acrescenta a SIBS.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
Saber mais e Alertas
pub