Empresas Sindicato propõe aumentos salariais de 4% nos CTT num mínimo de 40 euros

Sindicato propõe aumentos salariais de 4% nos CTT num mínimo de 40 euros

O SNTCT propôs aumentos salariais à administração da empresa, com efeitos a partir de 1 de Janeiro.
Sindicato propõe aumentos salariais de 4% nos CTT num mínimo de 40 euros
Bloomberg
Lusa 23 de janeiro de 2018 às 17:43

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores Correios e Telecomunicações (SNTCT) propôs à administração dos CTT aumentos salariais de 4%, com uma subida mínima de 40 euros, divulgou hoje a estrutura sindical.

 

Na carta enviada hoje ao presidente da Comissão Executiva dos CTT, O SNTCT apresenta "uma proposta de aumentos salariais com efeitos a 01 de Janeiro de 2018", na qual propõe que os trabalhadores "tenham um aumento de 4%, com um limite mínimo de 40 euros".

 

O SNTCT adianta que esta "é uma mera proposta de revisão da convenção, não sendo uma denúncia, não determinando por isso a aplicação do regime sobre vigência e caducidade".




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentários mais recentes
ZE 24.01.2018

Estes são os mesmos que pedem a nacionalização??? Olha , eu vou-me fazer ao trabalho que não tenho patrão para brincar.

Anónimo 23.01.2018

Se a Empresa trabalha mal conforme dizem os senhores dos sindicatos, se tudo corre mal nos CTT, se devem reverter a situação e devolver a Companhia ao Estado sem qualquer indemnização, então porque exigem tanto de uma Empresa falida ? Devem ser aumentados tendo em conta a inflação e nada mais.

4. % ? E um das Caldas 23.01.2018

A Empresa esta falida. Lucros nao ha tenham juizo

pub