Banca & Finanças Só há dois gestores em funções plenas na CGD, mas estão de saída
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Só há dois gestores em funções plenas na CGD, mas estão de saída

Rui Vilar e Tudela Martins renunciaram à Caixa e serão nomeados para novo mandato. Sobram dois gestores em plenitude de funções. Mas a tutela não conta com eles.
Só há dois gestores em funções plenas na CGD, mas estão de saída
Carlos Ferreira/Correio da Manhã

A Caixa Geral de Depósitos tem apenas dois administradores em plenitude de funções, depois de Rui Vilar e João Tudela Martins terem renunciado aos seus lugares. Este pedido deixa apenas Tiago Ravara Marques e Pedro Leitã

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado semcrer Há 2 semanas

O indecoroso Pedro Durão Leitão nem sequer teve a dignidade de apresentar a demissão acompanhando António Domingues...

Venha a indemnização!!!

comentários mais recentes
semcrer Há 2 semanas

O indecoroso Pedro Durão Leitão nem sequer teve a dignidade de apresentar a demissão acompanhando António Domingues...

Venha a indemnização!!!

Rui Alegria Há 2 semanas

Quando um País perde a independência e é governado pelos grandes interesses não consegue resolver os verdadeiros problemas do povo e do País.Há que estudar o problema enquanto é tempo depois será pior, seremos corridos por indecência e má figura dos nossos governantes, mas que sofre é o Zé.

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub