Indústria Sonae Indústria duplica lucros no primeiro trimestre

Sonae Indústria duplica lucros no primeiro trimestre

A Sonae Indústria terminou o primeiro trimestre do ano com um lucro duas vezes superior ao registado há um ano.
Sonae Indústria duplica lucros no primeiro trimestre
Ricardo Castelo
Sara Antunes 09 de maio de 2017 às 18:40

O resultado líquido da Sonae Indústria duplicou para 6,4 milhões de euros, no primeiro trimestre do ano, quando comparado com o mesmo período do ano passado, revelou esta terça-feira, 9 de Maio, a empresa em comunicado para a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

 

"O EBITDA consolidado da Sonae Indústria, nos primeiros três meses de 2017, atingiu 9,7 milhões de euros, cerca de 2,6 milhões de euros acima face ao mesmo período do ano anterior, numa base comparável principalmente devido a menores custos fixos que no trimestre reflecte um ajustamento não recorrente em acréscimos", acrescenta o mesmo comunicado.

 

"O volume de negócios da Sonae Indústria, apenas incluindo as actividades detidas integralmente pela empresa", ou seja, excluindo a parceria com a Arauco, "atingiu cerca de 59,5 milhões de euros no primeiro trimestre de 2017, o que representa uma subida de 3,6% face aos 57,4 milhões de euros registados no período homólogo do ano passado. Tomando em consideração os resultados proporcionais, o volume de negócios da empresa atingiu 164 milhões de euros", explica a mesma fonte.

 

A contribuir para a melhoria dos resultados da Sonae no primeiro trimestre do ano esteve a parceria estabelecida com a Arauco que deu origem à Sonae Arauco, uma empresa detida em partes iguais pelas duas accionistas e que foi constituída para operar nos mercados europeu e na África do Sul, no negócio dos painéis derivados de madeira, químicos e impregnação de papel.

 

No comunicado emitido, o presidente da Sonae Indústria, Paulo Azevedo, adianta que "dada a nova ambição da Sonae Arauco, procedemos a um ‘rebranding’ da empresa que reflecte a missão, visão e posição de mercado desejada da Sonae Arauco, consistente com os objectivos estratégicos que definimos. O ‘rebranding’ visa uma alteração significativa na arquitectura da marca, combinando todas as nossas marcas corporativas em apenas uma entidade ‘Sonae Arauco’".




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Que bom 09.05.2017

Para 3 ou 4 portugueses

pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub