Start-ups Sonae quer pôr start-ups a testarem soluções em ambientes reais na esfera da empresa

Sonae quer pôr start-ups a testarem soluções em ambientes reais na esfera da empresa

A retalhista lançou o Disrupt Retail – Call for Technology, uma iniciativa que tem como objectivo permitir a start-ups, nacionais ou internacionais, testaram as suas soluções em ambiente real. As candidaturas estão abertas até 15 de Outubro.
Sonae quer pôr start-ups a testarem soluções em ambientes reais na esfera da empresa
Bloomberg
Ana Laranjeiro 03 de outubro de 2017 às 13:06

A retalhista Sonae lançou a iniciativa Disrupt Retail – Call for Technology. O objectivo é permitir que start-ups, nacionais ou internacionais, testem as suas soluções em ambiente real. As candidaturas estão abertas até 15 de Outubro e serão analisadas até ao final deste mês.

A empresa procura "projectos nas áreas de optimização de merchandising, operações de loja e armazéns, engagement com clientes, logística e experiência de compra (online e offline), mas pode acolher projectos noutras áreas que sejam disruptivos para o sector do retalho", refere o comunicado enviado às redacções. Inteligência artificial, realidade virtual e aumentada, Internet of Things, robótica, assistentes virtuais e blockchain estão entre as tecnologias valorizadas nesta iniciativa.


"Esta iniciativa enquadra-se na política de inovação aberta e de cooperação tecnológica da Sonae, e visa fomentar novas soluções tecnológicas que sejam disruptivas e criadoras de valor acrescentado para os clientes das insígnias de retalho", refere o documento.


As empresas ou centros de investigação e desenvolvimento que participem podem usufruir de acompanhamento por parte de elementos da Sonae que estejam ligados nomeadamente à área tecnológica.


"A cooperação entre empresas e start-ups é crucial para a inovação. Por isso, na Sonae temos procurado interagir cada vez mais com as diferentes comunidades das mais variadas formas, desde a mentoria, passando pelo co-desenvolvimento de produto até à incubação de ideias e projectos", refere em comunicado João Gunther Amaral, CIO da Sonae MC. 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar