Transportes Subconcessão do Metro do Porto por sete anos custará 311 milhões

Subconcessão do Metro do Porto por sete anos custará 311 milhões

A portaria que autoriza a empresa de transporte público do Porto a proceder a pagamentos ao futuro subconcessionário até 2025 foi publicada. O valor máximo de encargos é estimado em 311 milhões.
Subconcessão do Metro do Porto por sete anos custará 311 milhões
Paulo Duarte/Negócios
Maria João Babo 12 de julho de 2017 às 17:30

A subconcessão da operação e manutenção da rede do Metro do Porto para o período 2018-2025, cujo concurso já foi lançado, custará um máximo de 311,1 milhões de euros, de acordo com a portaria publicada esta quarta-feira, 12 de Julho, em Diário da República que autoriza a empresa a proceder ao pagamento de verbas até 2025.

De acordo com a portaria dos gabinetes do ministro do Ambiente e do secretário de Estado do Orçamento, no próximo ano os encargos serão da ordem dos 30 milhões de euros, a que acresce IVA. O montante sobe nos anos seguintes, até atingir em 2024 os 48,2 milhões (mais IVA).

No total a verba que a Metro do Porto fica autorizada a pagar em sete anos no âmbito da subconcessão da operação e da manutenção é superior ao valor de referência do concurso lançado, que é de 221 milhões de euros.

Isto porque o valor base do concurso tem como referência preços de 2016, enquanto a portaria que autoriza os pagamentos anuais ao futuro subconcessionário tem em conta os custos anualizados da subconcessão.

O concurso para a subconcessão do metro do Porto foi lançado em Junho, devendo os concorrentes apresentar propostas até 25 de Setembro. O critério de adjudicação é o preço mais baixo.

O concurso compreende toda a operação regular do Metro, bem com as grandes revisões da frota de material circulante, as grandes manutenções de sistemas técnicos (escadas mecânicas e elevadores) e do sistema de bilhética, estas últimas três áreas não incluídas no actual contrato de subconcessão, explicou a empresa quando lançou o procedimento.

A entidade que vier a ganhar o concurso receberá a subconcessão por um período de sete anos, entre Abril de 2018 e Abril de 2025.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
paola22 12.07.2017

Para qualquer pedido de um empréstimo ou de um financiamento de seus projetos, você pode entrar em contato com confiança para Armando Fernandes, porque é graças a ela que a minha maria tem sido capaz de se beneficiar de 80.000 euros para impulsionar seus negócios. Aqui é o seu e-mail: fdecredito@gmail.com

Saber mais e Alertas
pub