Empresas Suspeitos envolvidos no escândalo da Petrobras podem duplicar

Suspeitos envolvidos no escândalo da Petrobras podem duplicar

O número de suspeitos envolvidos no escândalo de corrupção da Petrobras vai duplicar com as confissões de antigos executivos da construtora brasileira Odebrecht, afirmou à agência France Presse o procurador brasileiro Deltan Dallagnol.
Suspeitos envolvidos no escândalo da Petrobras podem duplicar
Bloomberg
Lusa 27 de janeiro de 2017 às 01:38

"Esperamos que a operação duplique de volume. A colaboração de Odebrecht e de vários dos seus quadros fornecerá provas que levarão a novas investigações em todo o Brasil", explicou o principal responsável da operação Lava-Jato, que já conduziu 259 pessoas ao banco dos réus.

 

Entre elas, mais de uma centena de políticos suspeitos de aceitarem subornos de poderosos grupos de construção do país em proveito pessoal ou do seu partido em troca de contratos sobreavaliados com a petrolífera Petrobras.

 

Principal empresa do sector da construção do Brasil, a Odebrecht fez acordos de colaboração para conseguir a diminuições de penas para 77 quadros superiores da empresa. Entre eles o presidente Marcelo Odebrecht, que cumpre uma pena de 19 anos de prisão.

 

Segundo o procurador Dallagnol, os investigadores ficaram surpreendidos com a escala e a sofisticação do sistema orquestrado pela empresa. "Ficámos estupefactos. Que os estudos internacionais mostrem que a corrupção no Brasil está enraizada e é sistemática é uma coisa, ter o monstro diante dos olhos é outra", disse, vincando: "Investigamos milhares de crimes de vários milhões cometidos por centenas de pessoas".




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Ja nao têm prisoes para tantos ladroes. Há 3 semanas

Quantos Tugas estao metidos nas roubalheiras? O Relvas e esperto nestes esquemas manhonsos. E dos Politicos do Planalto,em Brasilia comecando no Mafioso Temer,Sarnays+seus comparsas. Nao ha sequer um dos ilustres ladroes, do Planalto,que esteja limpo. Ai Cigano, cada dia têm mais ladrao.

pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub