Aviação TAP transporta mais 35% de passageiros em Abril

TAP transporta mais 35% de passageiros em Abril

No mês passado, a TAP transportou mais 300 mil passageiros do que em Abril de 2016. A taxa de ocupação dos aviões da companhia aérea aumentou em termos homólogos 12,4 pontos percentuais.
TAP transporta mais 35% de passageiros em Abril
Pedro Noel da Luz/Correio da Manhã
Negócios 15 de maio de 2017 às 13:10

A TAP registou um aumento de 35% no número de passageiros transportados em toda a sua rede no passado mês de Abril, face ao período homólogo, atingindo um total de 1.167.632 passageiros, ou seja, mais 302.475 do que no mesmo mês de 2016, avançou a companhia aérea em comunicado.

Segundo refere, o crescimento nos destinos europeus foi de 33,1%, registando mais 182.331 passageiros do que no ano anterior, tendo Espanha e Bélgica sido os destinos com os melhores resultados.

Para os destinos espanhóis, a TAP transportou em Abril mais 134 mil passageiros, equivalente a um aumento de 70,1% face ao mesmo mês do ano passado, tendo oferecido mais 18,8% de lugares.

Para a Bélgica, o aumento foi de 139,5% no número de passageiros transportados, associado também a um acréscimo de 125,9% na oferta de lugares.

 

Nos destinos intercontinentais, segundo avança no comunicado, a TAP apresentou um aumento global de 57,1% face a Abril de 2016, com os destinos de Marrocos a registarem um crescimento de 265,9%, ao mesmo tempo que a oferta de lugares subiu 160%.

Por seu lado, o mercado norte-americano registou um aumento de 130,4% nos lugares oferecidos e de 173,8% no número de passageiros transportados.

O Brasil, salienta ainda a TAP, "continua a dar claros sinais de retoma", com a companhia a transportar mais 21 mil passageiros que no mesmo mês do ano passado, ou seja, mais 22%.

A taxa de ocupação ("load factor") foi no mês de Abril de 85,4% em toda a rede, com uma subida de 12,4 pontos percentuais relativamente ao mesmo período de 2016.


A ponte aérea entre Lisboa e o Porto transportou, neste período, mais 6.926 passageiros do que no ano anterior, correspondendo a um aumento de 13,5%.


A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
João Carlos Há 1 semana

Foi preciso ser vendida para começar a trabalhar mais... não há duvida que na TAP só se trabalha bem com chicote...!!!

Antonio Há 1 semana

Como o Governo fez o contrario do que o ppc queria fazer na tap ,é aqui muito dificil afirmar que este acrescimo de passageiros é mérito do anterior governo,mas com a lata que os caracteriza ainda vamos ouvir um responsável ppd fazer tal afirmação, visto não terem a noção do ridiculo.Pago para ver

pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub