Energia Tarifa social de electricidade mantém-se inalterada em 2017

Tarifa social de electricidade mantém-se inalterada em 2017

O número de beneficiários da tarifa social cresceu mais de 280% este ano, com a atribuição automática que entrou em vigor em Julho.
Tarifa social de electricidade mantém-se inalterada em 2017
Bruno Simão/Negócios
André Cabrita-Mendes 06 de Outubro de 2016 às 13:19

O desconto nas tarifas de electricidade vai manter-se igual em 2017: 33,8%. A percentagem foi decretada esta quinta-feira, 6 de Outubro, através de despacho da secretaria de Estado da Energia.

 

Actualmente, 690 mil consumidores têm direito à tarifa social. A atribuição automática da tarifa social entrou em vigor em Julho, com o número de beneficiários a crescer dos 180 mil registados no início do ano para os 690 mil actuais.

O número de beneficiários da tarifa social cresceu mais de 280% este ano, com a atribuição automática, com a Direcção-Geral de Energia e Geologia a cruzar dados da Segurança Social, Finanças e das empresas eléctricas. 

 
A tarifa social "constitui um importante instrumento de política e justiça social, que visa proteger os agregados familiares economicamente vulneráveis, garantindo-lhes o acesso a estes serviços essenciais, em condições de menor esforço financeiro e maior estabilidade tarifária", sublinha a secretaria de Estado da Energia.

A tarifa social é suportada pela empresas produtoras de electricidade, custando 70 milhões de euros, com a maioria da factura a ser suportada pela EDP, que conta com mais clientes no mercado. Cada beneficiário custa em média 102,90 euros por ano.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 06.10.2016


SALÁRIO MÉDIO DOS PROFESSORES PORTUGUESES É O 3.º MAIS ALTO DA EUROPA, EM 2015.

"No caso dos docentes com salários mais altos, em que o rendimento dos docentes é superior ao PIB per capita, Portugal aparece em destaque como o terceiro com salários mais elevados da Europa: Bosnia Herzegovina (327%), Chipre (282%) e Portugal (245%)."

Relatório da Eurydice.

comentários mais recentes
Anónimo 06.10.2016


SALÁRIO MÉDIO DOS PROFESSORES PORTUGUESES É O 3.º MAIS ALTO DA EUROPA, EM 2015.

"No caso dos docentes com salários mais altos, em que o rendimento dos docentes é superior ao PIB per capita, Portugal aparece em destaque como o terceiro com salários mais elevados da Europa: Bosnia Herzegovina (327%), Chipre (282%) e Portugal (245%)."

Relatório da Eurydice.

Anónimo 06.10.2016


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

pub
pub
pub
pub