Energia Taxa audiovisual dá dois milhões às eléctricas

Taxa audiovisual dá dois milhões às eléctricas

As eléctricas, que recolhem a taxa que financia o serviço público de rádio e televisão prestado pela RTP, também ganham com a Contribuição para o Audiovisual, escreve o Correio da Manhã.
Taxa audiovisual dá dois milhões às eléctricas
Negócios 26 de junho de 2017 às 10:25

A Contribuição para o Audiovisual (CAV) representou um encaixe de dois milhões de euros para as empresas de electricidade, escreve o Correio da Manhã desta segunda-feira, 26 de Junho.

As eléctricas, que procedem à cobrança da CAV na factura da luz, receberam 2,069 milhões de euros como compensação pelos "encargos de cobrança", mostra o relatório e contas da RTP, que é financiada com esta contribuição.


O valor representa uma ligeira descida face aos 2,105 milhões de 2015.


Em 2016, a taxa audiovisual garantiu 168,6 milhões de euros à RTP, mais 300 mil do que no ano anterior.


As operadoras de telecomunicações também receberam 1,9 milhões de euros com a partilha de receitas dos passatempos por chamadas telefónicas. É uma quebra face aos 3,2 milhões do ano anterior.




pub