Empresas Tiajo investe 2,2 milhões numa nova “farda” industrial

Tiajo investe 2,2 milhões numa nova “farda” industrial

A Tiajo, têxtil que se apresenta como líder de mercado no segmento das fardas, vai investir 2,2 milhões de euros na transferência das suas actuais instalações industriais, da freguesia de Esmeriz para a de Avidos e Lagoa, em Famalicão, e criar mais cinco empregos.
Tiajo investe 2,2 milhões numa nova “farda” industrial
A têxtil Tiajo, de Famalicão, vai deslocalizar as suas actuais instalações industriais da freguesia de Esmeriz para a de Avidos e Lagoa.
Rui Neves 09 de dezembro de 2016 às 14:05

No final de 1998, recém-chegado do serviço militar, Joaquim Jorge Alves fez da sala de uma casa o seu espaço empresarial, tendo em 1994 criado a Tiajo, empresa têxtil situada em Esmeriz, Famalicão, cuja denominação social é um acrónimo que resulta da junção das iniciais dos nomes dos seus filhos Tiago e Jorge.

A Tiajo viria, mais tarde, por intermédio de um amigo do empresário, a especializar-se no segmento das fardas, tendo já fornecido entidades como o Exército português, a Polícia de Segurança Pública, a Sonae ou a Jerónimo Martins.  

Em 2010, com uma facturação de oito milhões de euros, já se apresentava como fornecedora de tecidos para uniformes e "workwear" líder de mercado em Portugal.

Face ao crescimento da empresa nos últimos anos, a Tiajo, que emprega uma dúzia de pessoas, vai transferir as suas actuais instalações industriais para outra freguesia de Famalicão, num investimento estimado em 2,2 milhões de euros, avança a autarquia local, em comunicado.

As obras de construção da nova fábrica, a edificar no Lugar de Cambães, na União de Freguesias de Avidos e Lagoa, deverão estar concluídas no próximo Verão e gerar a criação de mais cinco postos de trabalho.

"As novas instalações vão ter mais 3.400 metros quadrados em relação às actuais por forma a incorporar novos equipamentos e conferir uma capacidade de resposta superior", refere o mesmo comunicado municipal. O Negócios tentou, sem sucesso, contactar a administração da Tiajo.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub