Empresas Transformar o olho humano num rato de PC poderá ser possível dentro de 2/3 anos

Transformar o olho humano num rato de PC poderá ser possível dentro de 2/3 anos

Software que permitirá transformar o olho humano num rato de computador foi desenvolvido por uma universidade londrina e poderá ser comercializado a preços "low-cost".
Rita Dias Baltazar 13 de julho de 2012 às 13:37
Este sistema, que permite que haja uma interacção entre o ser humano e o computador através do movimento dos olhos, foi desenvolvido pelo Imperial College London e poderá estar disponível por 60 euros, dentro de dois ou três anos, segundo o Dr. Aldo Faisal, professor de Neurotecnologia do Imperial College, citado pelo “El Mundo”.

O dispositivo é composto por duas câmaras de vídeo no valor de 25 euros cada uma e um par de óculos de cinco euros. As câmaras captam o sítio para onde se dirigem as pupilas e a partir dessa informação os investigadores conseguem calibrar para que lugar específico do ecrã a pessoa está a olhar.

Segundo a mesma fonte, o software permite também, através da sua tecnologia 3D, conhecer a distância a que o indivíduo está a olhar. O desenvolvimento desta característica poderá permitir que, futuramente, utilizadores de cadeiras de cadeiras de rodas as possam movimentar olhando para o sítio para onde pretendem ir.

Embora “o objectivo prioritário da investigação seja que esta tecnologia chegue aos doentes que necessitam de utilizar um computador” a mesma poderá ser usada por “qualquer um que queira interagir com um ecrã sem utilizar as mãos”, afirmou o Dr. Aldo Faisal.

Para demonstrar a forma como o software funciona, os investigadores colocaram seis pessoas a jogar ping-pong num computador, simplesmente com o olhar.

A descoberta que foi dada a conhecer, ontem, no Journal of Neural Engineering, publicação do Institute of Physics (IOP), poderá ser útil a portadores de diversas doenças que afectam a mobilidade e autonomia.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Testerpt 14.07.2012

Isto não é novo!!!! Já existe esta tecnologia e é PORTUGUESA!!!!! Fica aqui o link:

http://www.jn.pt/PaginaInicial/Tecnologia/Interior.aspx?content_id=1146562&page=-1

pub