Empresas Tribunal de Berna rejeita divulgação de dados de cliente do Crédit Suisse

Tribunal de Berna rejeita divulgação de dados de cliente do Crédit Suisse

Suíça contraria intenções dos Estados Unidos e não divulga dados, mesmo havendo suspeita de evasão fiscal por parte do cliente bancário.
Negócios 11 de abril de 2012 às 10:13
Um tribunal suíço rejeitou a divulgação, às autoridades tributárias norte-americanas, dos dados sobre a conta de um cliente do Crédit Suisse Group, dizendo que o pedido dos EUA dizia apenas respeito à evasão fiscal – não abrangida por um tratado fiscal celebrado entre a Suíça e os Estados Unidos em 1996.

Os funcionários do Crédit Suisse actuaram conforme previsto, segundo o tribunal federal administrativo, em Berna, que acrescentou não ter ficado provada a intenção fraudulenta por parte do cliente do banco.

“Não deve ser prestada assistência administrativa no âmbito de uma presumível evasão fiscal, mesmo que estejam em jogo elevados montantes”, determinou o tribunal.

A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub