Media Trump vai continuar como produtor executivo do concurso Celebrity Apprentice

Trump vai continuar como produtor executivo do concurso Celebrity Apprentice

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, vai continuar a estar ligado ao concurso televisivo 'Celebrity Apprentice', aparecendo como produtor executivo do programa, avançou a revista americana Variety.  
Trump vai continuar como produtor executivo do concurso Celebrity Apprentice
Jonathan Ernst/Reuters
Lusa 09 de dezembro de 2016 às 01:11

Uma porta-voz da produção do programa confirmou apenas que o presidente eleito aparece na ficha técnica do concurso 'The New Celebrity Apprentice' como produtor executivo.

 

Esta nova temporada foi filmada em Fevereiro e estreia a 2 de Janeiro, com o actor Arnold Schwarzenegger a substituir Trump no papel de apresentador. 

 

Clare Anne Darragh recusou mais comentários, incluindo a participação de Trump no espectáculo ou se será creditado em alguma temporada no futuro.

 

As tarefas de um produtor são variadas e podem ser alteradas, mas também pode aparecer na ficha técnica de um programa ou filme sem ter trabalhado activamente no projecto.

 

A NBC, estação televisiva que transmitirá o programa, recusou comentar a ligação do presidente eleito ao concurso.

 

O papel de Trump na 15.ª temporada do 'reality show' que o tornou conhecido das famílias norte-americanas é uma questão em cima da mesa desde que lançou a sua campanha presidencial em Junho de 2015.

 

Segundo a Variety, na sequência de créditos, o nome de Trump vai aparecer depois do criador do programa, Mark Burnett, e antes do de Schwarzenegger, que também é um produtor executivo do programa.

 

Outra questão para a produção do programa, a NBC e a Casa Branca é o pagamento que Trump vai receber pela emissão, pelas dúvidas sobre conflitos de interesse que levanta.

 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub