Transportes Uber reduz prejuízos com viagens a crescer

Uber reduz prejuízos com viagens a crescer

Em alguns mercados, as reservas mais do que duplicaram em relação a há um ano atrás. É, pelo menos, o terceiro trimestre consecutivo em que os prejuízos caem.
Uber reduz prejuízos com viagens a crescer
Reuters
Paulo Zacarias Gomes 23 de agosto de 2017 às 23:00
Os prejuízos da Uber encurtaram em 9% no segundo trimestre do ano, um movimento que foi acompanhado pelo crescimento das viagens de transporte automóvel reservadas na plataforma electrónica da empresa.

O resultado negativo da companhia totalizou 645 milhões de dólares (546 milhões de euros) naquele mesmo período. É pelo menos a segunda queda consecutiva de prejuízos, de trimestre para trimestre, denotam os números dados a conhecer em primeira mão pelo site Axios.

As reservas de viagens geraram 8.700 milhões de dólares no trimestre, 17% acima dos três meses precedentes, e receitas líquidas de 1.750 milhões, resultado de um aumento de 150% do número de viagens em relação às realizadas pelas viaturas afectas ao serviço no mesmo trimestre do ano passado. Na Rússia, o ritmo do aumento do número de viagens foi superior: 250%.

A posição de liquidez da empresa está avaliada em 6.600 milhões de dólares, comparada com mais de 7.000 milhões de dólares no trimestre anterior. Em Junho, a empresa estava avaliada em 62,5 mil milhões de dólares.

O programa de gorjetas para os motoristas, implementado em Junho em vários mercados em que a empresa opera, já encaixou 50 milhões de dólares.

São números, apesar de tudo, encorajadores, se se enquadrarem no período recente em que a empresa esteve envolvida em várias polémicas internas, que desencadearam a saída de diversos altos responsáveis, incluindo o CEO Travis Kalanick, para o qual ainda se procura um sucessor, estando ainda vagas as posições de administrador financeiro e de operações.



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
thierry 24.08.2017

No UBER ganhe duas corridas de R$10,00 com o código 7zfg62e2ue, digite o código no menu da esquerda na aba pagamento opção promoções
No cabify ganhe 15,00 em créditos para começar a usar, no campo promoções do menu a esquerda digite o código fernandaF1256

Anónimo 24.08.2017

A uber continua a trabalhar de forma ilegal em Portugal, desde 2014. Em apenas 6 meses, as multas já ultrapassam o milhão de euros.
O tribunal da relação proibiu a actividade da uber em Portugal.

Saber mais e Alertas
pub