Transportes Uber testa serviço de partilha de viagens em Lisboa

Uber testa serviço de partilha de viagens em Lisboa

A solução de viagens partilhadas da Uber vai estar disponível na cidade de Lisboa durante 10 dias, de 4 a 13 de Novembro.
Uber testa serviço de partilha de viagens em Lisboa
Pedro Catarino/Correio da Manhã
Negócios 01 de Novembro de 2016 às 17:04
A Uber decidiu experimentar o seu serviço de partilha de viagens em Portugal. De 4 a 13 de Novembro os subscritores da aplicaçãovão poder experimentar a solução em Lisboa, num piloto de dez dias, informou a empresa num comunicado enviado esta terça-feira, 1 de Novembro, às redacções.

O UberPOOL, como é denominado o serviço, permite que as pessoas que se deslocam na mesma direcção possam partilhar a viagem.

"A opção estará disponível na aplicação dos utilizadores de 4 a 13 de Novembro em Lisboa, com a oferta de viagens 25% mais económicas do que no uberX", informa a Uber no mesmo documento.

O serviço UberPool está disponível em 33 das maiores cidades onde a empresa está presente. E nos primeiros sete meses deste ano, "o uberPOOL já poupou mais de 502 milhões de quilómetros automóveis, mais de 23 milhões de litros de combustível e 55 mil toneladas de dióxido de carbono a estas cidades", detalha a empresa.

Rui Bento, director-geral da Uber Portugal, acrescenta ainda que "opções de viagem mais partilhadas como o uberPOOL podem contribuir para cidades menos congestionadas e mais sustentáveis, e em que viajar é mais simples e económico. Queremos caminhar em direcção a essa visão, e é por isso que estamos entusiasmados por apresentar uberPOOL aos lisboetas, de 4 a 13 de Novembro".



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 3 dias

Mas os taxis já não fazem este tipo de serviço, aliás sempre fizeram e de borla. Independentemente se forem 1 ou 4 ocupantes para o mesmo destino, só se paga por percurso e não por ocupante, como na uber.

Anónimo Há 3 dias

O acórdão do TRIBUNAL que proibiu a actividade da uber em Portugal, diz o seguinte:
"A uber está ILEGAL e opera de forma CLANDESTINA"

pub
pub
pub
pub