Empresas Vasco de Mello: "Objectivos estratégicos foram plenamente alcançados"

Vasco de Mello: "Objectivos estratégicos foram plenamente alcançados"

Presidente do Grupo José de Mello mostrou-se satisfeito com o resultado da OPA sobre a Brisa, uma vez que irá "assegurar a estabilidade accionista" e permitir a sua "revalorização a longo prazo". A Tagus conseguiu mais de 90% dos direitos de voto.
Rita Faria 09 de Agosto de 2012 às 19:22
Vasco de Mello mostrou satisfação com os resultados da oferta pública sobre a Brisa, que permite que os oferentes tenham mais de 90% dos direitos de voto.

“Face aos resultados, os objectivos estratégicos foram plenamente alcançados”, disse o presidente do Grupo José de Mello durante a sessão de apuramento dos resultados da oferta pública de aquisição de acções.

Segundo o responsável, os objectivos foram alcançados de “forma clara e transparente”, permitindo “assegurar a estabilidade accionista” e criar as condições para o “desenvolvimento de uma política sustentada de criação de valor para a empresa com impacto positivo para a economia nacional”.

“Decidimos lançar esta OPA porque acreditamos no potencial da Brisa e na sua revalorização a longo prazo, e temos convicção que a nossa liderança vai conduzir a Brisa a um caminho de sucesso, mas longo”, concluiu.
A Tagus, empresa detida em 55% pelo Grupo José de Mello e em 45% pelo fundo Arcus, passou a controlar 508.899.116 acções da Brisa, que correspondem a 84,82% do capital, na sequência da oferta pública de aquisição (OPA) que lançou sobre a concessionária de auto-estradas portuguesa.







A sua opinião18
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Não confundir os feitos do grande Alfredo da Silv 16.08.2012

Esta familia fez graças ao casamento ou golpada dos Mellos em casar a filha do grande empreendedor Alfredo da Silva, esse sim um grande visionário e provavelmente o melhor empresário de sempre!
Não confundir os feitos do grande Alfredo da Silva com as malfeitorias destes bandalhos trafulhas dos mellos que juntamente com os Espiritos Santos andam a roubar os Portugueses à décadas.

Mello bandido ficaras falido numa década tomara q 16.08.2012

Maquiavélico o que o V. Mello fez na Brisa

Aqui está a prova da manipulação efectuada pelos Mellos através da tagus para manipular as ações e causarem o panico aos pequenos aforradores...é no minimo Maquiavélico

Anónimo 15.08.2012

o mello demenciou.

Anónimo 14.08.2012

para sapateiro,sosabes fazer patifarias

ver mais comentários
pub