Automóvel Venda de carros em Portugal cresce acima da média da UE

Venda de carros em Portugal cresce acima da média da UE

A venda de automóveis de passageiros em Portugal aumentou 7% em Novembro, superando a subida registada pelos parceiros da UE, de 5,9%.
Venda de carros em Portugal cresce acima da média da UE
Bruno Simão
Rita Faria 14 de dezembro de 2017 às 07:45

A venda de carros em Portugal cresceu 7% em Novembro, face ao mesmo mês do ano passado, para um total de 17.629 veículos, uma evolução que superou a média dos parceiros da União Europeia. No bloco regional, as vendas totalizaram 1.216.702 unidades em Novembro, o que representa uma subida de 5,9% em termos homólogos.

A Associação Europeia de Construtores Automóveis (ACEA), que revelou os dados esta quinta-feira, 14 de Dezembro, justifica o crescimento "sobretudo com o facto de Novembro de 2017 ter tido mais um dia útil" em comparação com o mesmo mês de 2016.

À excepção do Reino Unido, todos os grandes mercados europeus registaram desempenhos positivos, com a venda de automóveis a aumentar 12,4% em Espanha, 10,3% em França e 9,4% na Alemanha.

O mercado britânico, pelo contrário, contraiu pelo oitavo mês consecutivo, com as vendas a descerem 11,2%.

Considerando os primeiros 11 meses do ano, Portugal também se destacou em relação aos parceiros europeus, com um aumento de 7,7%, que compara com a subida de 4,1% verificada na União Europeia.

Até Novembro, Itália e Espanha registaram os maiores aumentos – de 8,7% e 7,8%, respectivamente – seguidos por França (5,3%) e Alemanha (3%).  

Apesar da descida ligeira na quota de mercado, em Novembro, o grupo Volkswagen manteve a liderança destacada com as vendas a aumentarem 5,5% para 299.099 unidades.

Já o grupo PSA, com 16,2% de quota, viu a comercialização dos seus modelos aumentar 83,3% para 196.650 unidades.




A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 5 dias

Eu comprei carro novo bom e caro porque o governo me "obrigou": Investir,impostos e falta confiança no Costa; no banco, medo da Mortágua. Tenho pena pois os Alemães é que ganham.

fpublico condenado a 48 anos trabalho/descontos Há 5 dias

OS TUGAS DOS BAIRROS SOCIAIS COM CASA A CUSTA DOS MEUS IMPOSTOS, COMPRAM CARROS NOVINHOS
CAMBADA DE XULECOS

Anónimo Há 5 dias

Apostar e comprar ações da SAG, pois esta empresa vai beneficiar com as vendas de carros

Força industria do Turismo!! Há 5 dias

O forte crescimento do turismo está a puxar pela economia, como reflexo disso vemos o investimento cada vez maior das empresas de aluguer de carros na aquisição de carros novos!
Pode prejudicar o saldo da balança de bens mas é compensado no saldo positivo da balança de serviços, sempre a crescer!!

Saber mais e Alertas
pub