Comércio Vendas a retalho crescem em Portugal acima da média europeia

Vendas a retalho crescem em Portugal acima da média europeia

Portugal fechou Julho com um aumento das vendas a retalho mais elevado do que a média da União Europeia. E, entre os membros da Zona Euro, registou mesmo o sexto maior crescimento.
Vendas a retalho crescem em Portugal acima da média europeia
Sara Antunes 05 de setembro de 2017 às 10:31

As vendas a retalho na Zona Euro cresceram 2,6%, em Julho, quando comparado com o mesmo período do ano passado, revela esta terça-feira, 5 de Setembro, o Eurostat. Já na União Europeia o aumento homólogo foi de 2,7%. Em ambos os casos o ritmo de crescimento das vendas a retalho abrandou face ao final do primeiro semestre.

 

Isolando mês de Julho face a Junho, as vendas a retalho diminuíram 0,3% na Zona Euro e 0,2% na União Europeia.

 

No caso de Portugal, as vendas a retalho aumentaram 3,9% em termos homólogos, o que corresponde ao sexto maior aumento entre os países da Zona Euro, ainda que também represente um abrandamento face ao mês de Junho – período em que as vendas aumentaram 5,2% em termos homólogos.

 

Já no que respeita à evolução mensal, Portugal registou uma quebra de 0,6% entre Junho e Julho, o que também corresponde à sexta queda mais pronunciada entre os estados-membro da Zona Euro. 




A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

branquelas e muchachos

Porque não? Há 2 semanas

Qual é a admiração? Com os nossos queridos governantes a martelarem-nos constantemente os ouvidos com retomas, virar de páginas, chegada ao paraíso e outras tretas para nos convencerem de que somos ricos, que mais se pode fazer? Gastar, gastar e gastar. Quando a factura chegar, este já cá fica.

Pois Há 2 semanas

Estranho é que todos os retalhistas Americanos e Frances conheçam baixas de mais de 10% nas acções devido à revolução Amazone, e por cá os nossos retailers sobem na Bolsa! Andamos sempre ao contrário, Até ao dia...

fcj Há 2 semanas

Não fossemos nós um país de monhés...

pub