Empresas Victoria Beckham recebe investimento de 33,5 milhões para expandir marca

Victoria Beckham recebe investimento de 33,5 milhões para expandir marca

O investimento visa reforçar a presença da marca da artista no retalho online e no número de lojas.
Victoria Beckham recebe investimento de 33,5 milhões para expandir marca
Reuters
Negócios 27 de novembro de 2017 às 13:53

A firma de "private equity" Neo Investment Partners injectou 30 milhões de libras (33,5 milhões de euros) na empresa de Victoria Beckham, que vai utilizar este investimento para reforçar a sua marca.
 

De acordo com o Financial Times, a Neo Investment Partners vai entrar no capital da empresa da artista que ganhou fama por integrar a banda Spice Girls, sendo que a posição não foi divulgada.

 

Este investimento "vai melhorar a nossa presença no retalho online e lojas físicas e impulsionar o crescimento nas nossas principais áreas de negócio, entrar em novas e aproveitar todo o potencial da marca", refere um comunicado.

 

A marca de Beckham, criada há quase 10 anos em conjunto com o seu marido e antigo futebolista David Beckham, expandiu-se nos últimos anos do pronto-a-vestir para acessórios de moda, calçado e óculos, tendo alavancado o crescimento através de parcerias com a retalhista norte-americana Target e a firma de moda Estée Lauder.

 

Nos últimos dois anos alcançou receitas de 36 milhões de libras (40 milhões de euros) e para 2017 estima um crescimento de dois dígitos. Em 2015 apurou um prejuízo antes de impostos de 4,3 milhões de libras (4,8 milhões de euros).  

 

A Neo Investment Partners tem vários investimentos em fabricantes de artigos de luxo e da área da moda. 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub