Start-ups Visa tem 50 mil euros para apoiar fintech

Visa tem 50 mil euros para apoiar fintech

A Visa lançou a primeira edição europeia do Everywhere Initiative, uma competição destinada a start-ups e fintech de 19 países em que o objectivo é que sejam dadas “ideias focadas na melhoria das comunidades locais e em experiências de viagem”. As candidaturas estão abertas de 19 de Abril a 17 de Maio.
Visa tem 50 mil euros para apoiar fintech
Bloomberg
Ana Laranjeiro 11 de abril de 2017 às 12:41

A Visa lançou a primeira edição europeia da iniciativa Everywhere Initiative, destinada a start-ups e empresas fintech de 19 países europeus. O objectivo é as empresas "apresentarem ideias focadas na melhoria das comunidades locais e em experiências de viagem".

"Os concorrentes terão a oportunidade de ganhar até 50 mil euros de apoio a um programa de desenvolvimento com a Visa, ou através de uma parceria comercial com as instituições financeiras clientes da Visa", de acordo com comunicado enviado à redacção.


As empresas que forem bem-sucedidas poderão "aceder às APIs [Interface de Programação de Aplicativos] da Visa através da Plataforma de Desenvolvimento da empresa e a mentores executivos e tecnólogos para ajudá-los a desenvolver as suas ideias".


Os participantes europeus devem apresentar as suas candidaturas arrancam a 19 de Abril e prolongam-se até 17 de Maio, através do site da Everywhere Initiative.

"Através de competições como o Everywhere Initiative, estamos a estimular a inovação tecnológica para impulsionar a aceitação e promover uma maior conveniência para os consumidores. Concentrando-nos na comunidade local e na experiência de viagem, esperamos facilitar e melhorar o quotidiano das pessoas, onde quer que estejam. Estamos ansiosos por receber as propostas de startups europeias inovadoras que procuram financiamento e colaborações frutíferas para ajudá-los a realizar grandes ideias", disse

Bill Gajda, vice-presidente sénior de Inovação e Parcerias Estratégicas da Visa, em comunicado.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub