Web Summit Web Summit: Bilhetes Inspire já esgotaram

Web Summit: Bilhetes Inspire já esgotaram

A campanha Inspire arrancou na passada segunda-feira e os bilhetes já esgotaram. O Web Summit tinha disponibilizado 10 mil bilhetes a 7,50 euros, para metade de um dos três dias em que decorre o evento, para jovens entre os 16 e 23 anos.
Web Summit: Bilhetes Inspire já esgotaram
Miguel Baltazar
Ana Laranjeiro 27 de outubro de 2017 às 16:47

Os 10 mil bilhetes disponibilizados pelo Web Summit no âmbito da campanha Inspire já esgotaram, confirmou esta sexta-feira, 27 de Outubro, a organização em comunicado. A iniciativa arrancou na última segunda-feira, sendo que os candidatos a estes bilhetes, que custavam 7,50 euros, tinham de ter entre 16 e 23 anos.

Com este bilhete, os jovens podem assistir a meio dia (ou durante a manhã ou durante a tarde) de conferências que se realizam no palco principal, na Altice Arena, de um dos três dias do evento em Lisboa (7,8 e 9 de Novembro).

Paddy Cosgrave, CEO da Web Summit, refere em comunicado que é "espantoso a quantidade de pessoas que se inscreveram para estes bilhetes e a velocidade com que esgotaram este ano". "É fantástico ver tantos jovens portugueses envolvidos com o Web Summit e os oradores incríveis que temos este ano. Mal posso esperar por tê-los todos reunidos na Altice Arena daqui a menos de duas semanas", acrescentou.

O Web Summit realiza-se este ano entre 6 e 9 de Novembro, em Lisboa. Esta vai ser a segunda edição da conferência em Portugal. Pelo menos, a de 2018, está garantida.

A expectativa é que participem neste evento mais de 60 mil pessoas, oriundas de cerca de 160 países.

Nos últimos dias foi noticiado que já existem alojamentos turísticos e restaurantes esgotados em Lisboa na altura do Web Summit.

No início do mês, tinham sido já anunciadas as 150 start-ups que vão beneficiar de um desconto no bilhete para o evento, no âmbito do Road2Web Summit.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 3 semanas

Se a juventude portuguesa tivesse o mesmo procedimento( correr para os bilhetes ) procurar um modo de vida para não serem pesados aos PAIS e AVÒS , seria uma mentalidade mais criadora de riqueza e menos CHULAR os pais e avós seria um acto de CIDADÃO com razão de existir em PORTUGAL .

Saber mais e Alertas
pub