Energia Contribuição especial é alargada ao gás da Galp
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Contribuição especial é alargada ao gás da Galp

O Governo mexeu na contribuição extraordinária da energia, para fazê-la abranger os ganhos da Galp na venda de gás natural. A Galp desconhece os termos da medida, que o Executivo diz valer 150 milhões de euros.
Contribuição especial é alargada ao gás da Galp
Miguel Baltazar/Negócios
Miguel Prado 30 de janeiro de 2015 às 00:01

Ao fim de nove meses de estudo, o Governo desvendou a solução para pôr os consumidores portugueses de gás natural a beneficiar dos lucros que a Galp Energia tem tido com a venda de gás no mercado internacional: alargar

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais

A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Camponio da beira 30.01.2015

um individuo cumpridor paga 30 ou 40 % de irs de dinheiro que ganhe, mas se o roubar e colocar em off shore, em vez de ser preso, só paga 5% para trazer para cá o produto do roubo, que fica assim legalizado. PARA QUEM FOI FEITA ESTA LEI?

Dixit 30.01.2015

A Golp compensa na subida dos combustíveis sem justificação e o Desgoverno e a Concorrencia assobiam para o lado..a chinesice assim o obriga!!!

john 30.01.2015

O que é natural é que se preste uma informação concisa e precisa e que se diga o seguinte: o gás natural custava ao consumidor x e passa a custar y, tudo o resto são balelas que ninguém percebe nada.

Podemos 30.01.2015

Não percebo como são feitos os cálculos mas o q vi no relatório e contas, e pela quantidade das vendas, a Galp tem lucro (e não vendas) de 200 Milhoes de Euros/ano c estas operações do Gás Natural. De onde saem os 150 millhoes? é por ano, certo? Eu conheço os preços já q negoceio estes produtos!

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub