Energia Iberdrola supera Endesa e conquista liderança entre os grandes clientes

Iberdrola supera Endesa e conquista liderança entre os grandes clientes

A Iberdrola ultrapassou a Endesa no segmento grandes consumidores de electricidade no mercado liberalizado, entre Novembro e Dezembro.
Iberdrola supera Endesa e conquista liderança entre os grandes clientes
Bloomberg
André Cabrita-Mendes 18 de Fevereiro de 2016 às 06:00
A Iberdrola tornou-se na líder do segmento de grandes consumidores no mercado liberalizado de electricidade. A companhia ultrapassou a Endesa e a EDP entre Novembro e Dezembro, para se tornar a líder deste segmento.

A Iberdrola conta agora com uma quota de mercado de 26%, face aos 23% da Endesa, e aos 20% da EDP, segundo os dados divulgados pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) esta quinta-feira, 18 de Fevereiro.

Em Dezembro de 2014, a EDP era a líder neste segmento seguida da Endesa e da Ibedrola. Os grandes clientes têm um consumo médio anual equivalente ao de 8,3 mil famílias portuguesas.

A liderança foi perdida em Julho quando a Endesa ultrapassou a eléctrica presidida por António Mexia, depois da EDP recuar cinco pontos percentuais no espaço de um mês.

A Endesa liderou depois durante cinco meses, mas foi ultrapassada em Dezembro, ao recuar três pontos percentuais, ao mesmo tempo que a Iberdrola ganhou seis pontos percentuais. Já a EDP recuou quase três pontos entre Novembro e Dezembro.

Olhando para os restantes segmentos, os mesmos mantiveram-se inalterados entre Novembro e Dezembro. A Endesa lidera entre os clientes industriais (28%), seguida da Iberdrola (25%) e da EDP (22%).

Nos pequenos negócios, a EDP lidera (43%), seguida pela Endesa (20%) e pela Iberdrola (13%). Já nos clientes domésticos, a EDP é lider incontestável (89%), seguindo-se a Galp (5%) e a Iberdrola (5%).

Analisando o total do mercado liberalizado, este registou um crescimento de 56 mil clientes em Dezembro face ao mês anterior (1,3%). Recuando um ano, o mercado cresceu 23%, a uma taxa média mensal de 1,7%.

O mercado liberalizado representou mais de 89% do consumo total em Portugal Continental em Dezembro, tendo crescido 6,2 pontos percentuais face a período homólogo.

Já o consumo médio diário recuou 4,9% face a período homólogo. Do total de 67 mil clientes que entraram no mercado livre, 51 mil transitaram do mercado regulado.



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
enéas 18.02.2016

A gestão Mexia em seu ocaso. As acções a descer seguidamente. Perde mercado. Desastre total. Um gestor de monopólios e só. Vergonha.

pub
pub
pub
pub