Media ERC abre processo sobre cobertura da TVI aos incêndios de Pedrógão Grande

ERC abre processo sobre cobertura da TVI aos incêndios de Pedrógão Grande

A ERC decidiu abriu um processo de averiguação à cobertura do Jornal Nacional da TVI sobre os incêndios em Pedrógão Grande. Entretanto, o regulador já recebeu mais de 100 queixas.
ERC abre processo sobre cobertura da TVI aos incêndios de Pedrógão Grande
Sara Ribeiro 19 de junho de 2017 às 18:02

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) decidiu esta segunda-feira de manhã abrir um processo de averiguações à cobertura jornalística do Jornal Nacional da TVI sobre os acontecimentos em Pedrógão Grande.

 

Em comunicado, o regulador liderado por Carlos Magno informa que entretanto chegaram à ERC "mais de 100 participações que contestam o plano televisivo em que aparece um dos cadáveres da tragédia, na referida reportagem", realizada pela jornalista Judite Sousa.

 

"A ERC, consciente do estado de choque em que o país se encontra, sintoniza-se com a sociedade portuguesa e espera que a comunicação social seja de uma sensibilidade profissional a toda a prova, neste momento de luto nacional", sublinha o regulador no mesmo comunicado.

 
A decisão da abertura do processo de averiguações foi anterior à chegada das mais de 100 reclamações ao regulador dos media.

(Notícia corrigida às 19:30 com a informação da data de abertura do processo)

 




A sua opinião11
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
anonimo Há 4 semanas

A JDS nessa reportagem estava com uma indumentária que seria mais adequada a uma bailarina de música pimba

Roberto Há 4 semanas

Não é de agora este gosto especial pela desgraça alheia que a Judite demonstra. No início dos anos 90, ela apresentou uma notícia de crianças mortas num telejornal com um sorriso nos lábios. Na altura, também foi alvo de críticas. A Judite continua a ter uma ganância profissional incontrolável.

Anónimo Há 4 semanas

Só à TVI? os canais de TV encheram a barriga sem muito esforço, o repete repete foi infindável, o infortúnio de tanta gente foi transformado num êxito noticiário.
A TVI não recebe lições mas também não as pode dar,sejam mais humildes que vos fica bem, pr vezes ficar calado é a melhor resposta.

Junka Há 4 semanas

Quando alguns referem que quem não gosta mude de canal, inacreditável. Há filmes pornográficos com mais nível do que a maioria dos programas das TVs generalistas, no entanto não passam em horário nobre (por enquanto). Quem não quiser ver é só mudar de canal! Não somos exigentes. Mudem para o cabo.

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub