Tecnologias Apple Watch bate relógios suíços em época de Natal

Apple Watch bate relógios suíços em época de Natal

Pela primeira vez, o relógio digital da Apple conseguiu ultrapassar os rivais suíços num trimestre. Contudo, em 2017, a tradição relojoeira continua ainda a pesar mais forte.
Apple Watch bate relógios suíços em época de Natal
Reuters
Wilson Ledo 13 de fevereiro de 2018 às 12:24

O sapatinho da Apple ficou mais cheio no Natal passado. Pela primeira vez, a venda dos relógios tecnológicos Apple Watch superou a dos rivais suíços.

Quem o mostra é o Business Insider, citando dados do portal Statista. No último trimestre do ano, que coincide com o Natal, a empresa norte-americana vendeu 8 milhões dos seus relógios. Acima dos 6,8 milhões dos rivais suíços.


Contudo, a tradição ainda continua a vencer se tomado o ano de 2017 no seu todo. Foram vendidos 24,2 milhões de relógios suíços, mais 5,8 milhões do que a rival Apple.


Ao contrário da tecnológica de Cupertino, que assistiu a uma escalada no último trimestre, os relógios suíços mantêm uma certa estabilidade nas vendas ao longo do ano, com seis milhões de unidades vendidas.


O Business Insider recorda ainda as dificuldades da Apple em atingir, com o seu relógio lançado pela primeira vez em 2015, o mesmo sucesso do iPhone ou do iPad.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub