Telecomunicações Anacom alerta para a urgência de decisões sobre cabos submarinos

Anacom alerta para a urgência de decisões sobre cabos submarinos

Os cabos submarinos que ligam os Açores e a Madeira têm um tempo de vida útil que obriga a que se tomem decisões urgentes, alerta a Anacom.
Anacom alerta para a urgência de decisões sobre cabos submarinos
Alexandra Machado 27 de junho de 2018 às 14:06

Os cabos submarinos que ligam o continente e as regiões autónomas dos Açores e Madeira têm uma vida útil de mais alguns anos que obriga a que haja já decisões para que as ligações para as ilhas não se perca.

O alerta é feito pela Anacom que organizou um "workshop" no passado dia 20 de Junho sobre o tema.

"Os cabos submarinos que asseguram a ligação entre o continente, os Açores e a Madeira, e entre as regiões autónomas, deverão atingir o fim da sua vida útil em 2024/2025".

Por esse motivo, acrescenta, "é de grande urgência tomar decisões que assegurem a entrada em operação de novas interligações antes dessas datas", alerta a Anacom em comunicado. 

A Anacom diz que tem alertado o Governo central e regionais e os operadores para se encontrar a solução para o problema. 

Para a Anacom, "
a substituição das interligações por cabo submarino deve constituir uma prioridade para Portugal e para a União Europeia, dado tratar-se de um investimento fundamental para assegurar a coesão nacional e o desenvolvimento económico do país e do espaço europeu". E, por isso, promete continuar a promover o diálogo que ajude a soluções nomeadamente "as que beneficiem do co-investimento e do co-financiamento, e a contribuir para a identificação de novas oportunidades de utilização dos cabos submarinos", diz uma nota do regulador liderada por João Cadete de Matos (na foto).





Saber mais e Alertas
pub