Telecomunicações Lucros da Zon Optimus caem 8,2% ainda com efeitos da fusão

Lucros da Zon Optimus caem 8,2% ainda com efeitos da fusão

Os resultados líquidos da Zon Optimus foram melhores do que o esperado pelos analistas, ao caírem 8,2% nos primeiros três meses do ano, para os 25,3 milhões de euros. Os lucros foram ainda pressionados pelos custos da fusão, mas a queda foi bastante inferior ao projectado por uma "poll" da Reuters.
Lucros da Zon Optimus caem 8,2% ainda com efeitos da fusão
Miguel Baltazar/Negócios
Ana Torres Pereira 07 de maio de 2014 às 22:41

A “poll” de cinco analistas inquiridos pela Reuters apontava para uma queda média de 19% nos lucros do primeiro trimestre, face aos primeiros três meses de 2013, para 22,3 milhões de euros. Isto devido à pressão da “guerra de preços” nas telecomunicações e aos custos de reestruturação e efeitos regulatórios.

 

Os analistas estimaram também que a Zon Optimus terá um melhor segundo semestre, suportado pelas sinergias da fusão.

 

Já as receitas de exploração decresceram 2,9%, para 351,2 milhões de euros, considerando as actividades internacionais. As receitas em Portugal caíram 4,1% para 337,3 milhões de euros, divulgou a empresa em comunicado à CMVM.

 

Relativamente às receitas, a “poll” da Reuters tinha projectado uma descida média de 4,4%, para 336,3 milhões de euros.

 

Quanto à área de audiovisuais e cinemas, apresentou quebras nas suas receitas de 4,7% e 9,1% respectivamente”, detalhou a Zon Optimus, em comunicado.

 

O grupo explica que “as férias da Páscoa no segundo trimestre em 2014 (em 2013 tiveram lugar no primeiro trimestre), foram a principal razão que contribuiu para o declínio das vendas de bilhetes de cinema no primeiro trimestre. No entanto, as vendas acumuladas até Abril de 2014 já demonstram um crescimento positivo face ao período homólogo”.

 

O EBITDA, incluindo os resultados das “joint-ventures”, registou uma quebra de 3,3% para os 134,8 milhões de euros.

 

O CAPEX (investimento) reduziu-se em 6,4%, para os 56,7 milhões de euros, “estimando-se no entanto que o mesmo aumente em 2014 e 2015, face à anunciada estratégia da Zon Optimus de expansão da sua rede”.

 

A dívida financeira líquida reduziu-se em 16 milhões de euros, para 923 milhões de euros. 




Saber mais e Alertas
pub